https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

Sutil Presença

 

Circula em minha mente a tua face
Tua postura esbelta e elegante
Olho para mim, me vejo peito arfante.
Semblante triste, rosto sem disfarce.

Nessa inércia absoluta do pensar
Sacode-me algo, preocupante e intenso
Minha existência, repousa em pensamento
Nutrida pela esperança de você voltar

Vou resguardando-me de aventuras tolas
Escombros meus que bem sei existir
A vida é sempre a melhor escola

Não estou a salvo de dores e saudades
Nem de amar de novo me tornei ilesa
Sutil presença tua, minha alma invade


 
Autor
DI MATOS
Autor
 
Texto
Data
Leituras
907
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
4
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Lucienelp
Publicado: 10/09/2009 16:43  Atualizado: 10/09/2009 16:43
Super Participativo
Usuário desde: 15/07/2009
Localidade: Vitória da Conquista - Bahia
Mensagens: 133
 Re: Sutil Presença
Achei adorável seu soneto. Parabéns. Um abraço.



Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 03/10/2009 22:34  Atualizado: 03/10/2009 22:34
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 11191
 Re: Sutil Presença
DI MATOS,
Um soneto muito bem escrito.
Adorei!
Beijinhos na alma
Nanda