https://www.poetris.com/

 
« 1 ... 335 336 337 (338) 339 »
Textos deste autor
Offline
vanemarx
Silêncio
Dias nascem Em que desejo estar para sempre distante Esquecida Esquecendo-me a beira-mar Feita em...
Enviado por vanemarx
em 16/06/2006 22:20:00
Textos deste autor
Offline
vanemarx
Augusta
Existe qualquer coisa de magnífico Em ver São Paulo anoitecer Pela Rua Augusta, A escuridão entre...
Enviado por vanemarx
em 15/06/2006 13:12:53
Textos deste autor
Offline
jorgehumberto
SAIU A FERA DE MIM
Em minha prisão, Excessivos Braços cresceram. Pernas, Sem largos ou espaços, Na minúscula ce...
Enviado por jorgehumberto
em 04/06/2006 17:16:19
Textos deste autor
Offline
jorgehumberto
PAZ AO HOMEM DE BOA VONTADE
Ao homem de boa vontade ergo o meu pendão, Ajusto a rima para que ela possa ser vivenciada, To...
Enviado por jorgehumberto
em 02/06/2006 20:38:37
Textos deste autor
Offline
Rolizey
Acredita Coração
Acredita coração em tudo o que há de ser teu, pois a verdade de teu sentimento, torna-te poderoso...
Enviado por Rolizey
em 29/05/2006 21:42:24
Textos deste autor
Offline
jorgehumberto
CABEÇA DE CARTAZ
Trato de pelica, Gesto de veludo, Cortesia exuberante, Ramalhetes, rapé, Rodapé, Lacre do mai...
Enviado por jorgehumberto
em 28/05/2006 17:39:26
Textos deste autor
Offline
jorgehumberto
DEPENDE DE NÓS
Que todo o homem fosse cordato Findasse a guerra e houvesse paz Que todo o homem fosse sensato...
Enviado por jorgehumberto
em 27/05/2006 20:59:28
Textos deste autor
Offline
visitante
COM DOR SE PAGA A CONTA DO FMI
Quem cala não consome Boca fechada não come Não conta Não condiz com a política prevista Está for...
Enviado por visitante
em 22/05/2006 12:15:41
Textos deste autor
Offline
Ludiro
Meu poço
Meu poço Olho meu rosto No fundo do poço Uma lágrima Derramada cai A imagem Se desfaz Quem é aqu...
Enviado por Ludiro
em 15/05/2006 18:10:00
Textos deste autor
Offline
Baguera
Um olhar sobre Lisboa...
Doce Lisboa! À beira de água... Minha amada casa sobre o Tejo Espelho da vida presente E da que s...
Enviado por Baguera
em 13/05/2006 00:11:12
Textos deste autor
Offline
visitante
CRÍTICA POÉTICA À CIDADE GRANDE
@Sicouza De saco plástico na mão vagando por ruas e avenidas pedindo um pouco de pão, na v...
Enviado por visitante
em 10/05/2006 02:31:47
Textos deste autor
Offline
visitante
C H U V A E LÁGRIMAS
©Sicouza Lá fora chove, aqui dentro também... lá o céu chora por todos e aqui, meus olhos p...
Enviado por visitante
em 10/05/2006 02:27:30
Textos deste autor
Offline
jorgehumberto
A UMA MULHER CHAMADA RUTE
Ela não sabia nada da vida, Fora mãe ainda uma criança, Rute, uma simples rapariga, Há muito ...
Enviado por jorgehumberto
em 05/05/2006 16:33:58
Textos deste autor
Offline
TrabisDeMentia
Sentimentos imensuráveis
Sentimentos imensuráveis Que eu meço sem pesar Tudo me parece belo Mas será isto amar? A paixão t...
Enviado por TrabisDeMentia
em 03/05/2006 19:28:52
Textos deste autor
Offline
Ludiro
Poemeto - Chuva
Chuva A chuva Que surra Meu rosto Faz-me lembrar Quando brincava Em suas poças ^^Ludiro^^
Enviado por Ludiro
em 02/05/2006 22:15:21
Textos deste autor
Offline
Ludiro
Caminhada
Caminhada Meus passos Deixo rastros Deixo suor Minhas lagrimas Que um dia Livres sairam Cortaram...
Enviado por Ludiro
em 02/05/2006 05:35:44
Textos deste autor
Offline
visitante
A DOR É VERDADEIRA MAS O SORRISO É FALSO
©Sicouza Antes eu sorria por dentro, hoje apenas por fora... das causas saber nem quei...
Enviado por visitante
em 02/05/2006 01:28:04
Textos deste autor
Offline
THOMAZBNETO
CREPUSCULO
CREPUSCULO O manto da noite desce. Suave tal qual a neblina. As luzes se acendem. Individualm...
Enviado por THOMAZBNETO
em 29/04/2006 16:30:02
Textos deste autor
Offline
Ludiro
Reflexos
Reflexos Vidros Espalhados pelo chão Refletindo Os cacos de vidas De uma nação Vendo Em peq...
Enviado por Ludiro
em 29/04/2006 13:27:28
Textos deste autor
Offline
visitante
tempo
no meu passado eu, amei,sofri, chorrei e sorri. no meu presente eu amo,sofro, choro e sorrio. no ...
Enviado por visitante
em 28/04/2006 23:31:40
« 1 ... 335 336 337 (338) 339 »