https://www.poetris.com/

 
Offline
Del
Teimosia!
Teimosia! Não és culpada, da mágoa, que carregas. Embora eu chore, com um pesar profundo, Ve...
Enviado por Del
em 06/10/2010 16:08:45
Offline
Del
Sem Tua Voz!
Ler-te; sem que um pranto rasgue a face, Ver-te; sem que a alma vá morrendo... Na cruel angústia...
Enviado por Del
em 04/10/2010 10:36:20
Offline
Del
À Florbela Espanca...
Perdoe amada minha, por estar tão triste, Não sabia da vida tua; eu a ignorava, Bateu-m...
Enviado por Del
em 03/10/2010 15:13:22
Offline
Del
Quem dera...
Quem dera! Os meus versos, pudesse voar Pudessem; quem dera; levar meus desejos Levando-te a vo...
Enviado por Del
em 02/10/2010 09:48:45
Offline
Del
Sou Teu
Cativo do teu jeito de criança... Refiz-me! A começar pelas raízes... Dei-me! E, se fizeram em ci...
Enviado por Del
em 01/10/2010 11:23:00
Offline
Del
Dentro d'alma!
Dentro d’alma! Não dês ouvidos, à palavra torta! Tentas, ouvir aquilo que não digo, ...
Enviado por Del
em 30/09/2010 09:23:20
Offline
Del
TELA
Triste, o amor de hoje em dia... Amor que se completa pela tela Das lágrimas saídas da janela Qua...
Enviado por Del
em 27/09/2010 10:10:56
Offline
Del
INSANO
Faz meu desejo vivo, inda que seja, Esse supremo bem, tanto sonhar-te, Dá-me na vida, sonho, tant...
Enviado por Del
em 14/09/2010 10:16:21
Offline
Del
A pena, apenas apena!
Que fosse apenas versos! Gostaria, Porém, se a pena apena, é porque dói, Arrasta-nos da alma tudo...
Enviado por Del
em 13/09/2010 23:12:17
Offline
Del
Metáforas!
O poeta mente? Ou fala simplesmente Por metáfora, em múltiplas imagens Caminha nos versos em louc...
Enviado por Del
em 13/09/2010 11:29:56
Offline
Del
Aos Moços!
Aos moços, que agora, no vigor dos anos, Desfolham-se alheios, em meio a tantas flores... Guardai...
Enviado por Del
em 13/09/2010 11:01:28