https://www.poetris.com/

 
Offline
angelaladeiro
Uma batida...
Três horas da tarde e cinco de marcha sem interrupção. Estafados, as pernas sem força para nos ma...
Enviado por angelaladeiro
em 05/05/2009 11:12:29
Offline
angelaladeiro
mulher...
Somos nós a lutar... A chorar, sorrir, amar. Somos nós a dar esperança Sem pensar, sem parar... S...
Enviado por angelaladeiro
em 22/04/2009 16:19:46
Offline
angelaladeiro
Ilusão...
Da varanda vejo o mar O seu lamurio... Fecho os olhos Na memória, longe... As crianças estão lá! ...
Enviado por angelaladeiro
em 21/04/2009 09:19:45
Offline
angelaladeiro
Colher os ananases
Da minha janela eu vejo uma queimada. Ali, dentro da selva africana. Destina-se a preparar o terr...
Enviado por angelaladeiro
em 03/04/2009 19:28:36
Offline
angelaladeiro
A vida passa e nós resistimos
Um sonho! Se eu tivesse um avião iria visitar-te. Dar-te as notícias e cobrir-te de beijos... Est...
Enviado por angelaladeiro
em 02/04/2009 15:13:09
Offline
angelaladeiro
A viagem
Como prioridade, a revista ao Navio. Ver a localização dos aposentos, destinados aos homens do Pe...
Enviado por angelaladeiro
em 27/03/2009 09:09:16
Offline
angelaladeiro
A mala velha
A roupa que existia no malão, toda de homem, era de luxo. Óptimos tecidos e de um corte de muita...
Enviado por angelaladeiro
em 25/03/2009 17:45:09
Offline
angelaladeiro
Tempos idos...
Acerca de fazer bem, exigência a que os abastados se propunham para ganhar o Reino do Céu, encon...
Enviado por angelaladeiro
em 22/03/2009 20:47:29
Offline
angelaladeiro
Luanda, Maio de 1963
Nos dias em que não recebo as tuas notícias, o tempo custa mais a passar. Hoje não seria possív...
Enviado por angelaladeiro
em 05/03/2009 09:17:17