https://www.poetris.com/

Poemas, frases e mensagens de PauloSales

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de PauloSales

natal

 
Chegam os malditos espíritos natalinos,
que nos enche de hipocrisia para desejar um feliz natal!

Vamos assistir sessão da tarde
E nos entediar com travestis de papai noel.
Quero realidade plena.
Felicidade real!

Não um velho maluco voando num trenó
que além de tudo se embreaga de coca-cola.
vendendo para pobreza o maior icone da perdição consumista.

quero meus livros.
quero viver a plenitude de poder renascer!
E não ser crucificado.

de-me as flores...
os fados...
as luzes reais que iluminam a alma
essa luz se chama dignidade!!!
 
natal

feliz homem novo

 
feliz velho ano!!!
Quando estamos acompanhados da lucidez dificilmente vemos um ano novo.

Devemos nos lembrar do blues dos anos 2.000
do imortal cazuza,
Sabemos que tudo esta sempre igual

nada de útopia.... nada de mudar o mundo
O que muda são as pessoas,
seja pra pior ou melhor

somos construção de nossos atos.
Somos a desconstrução do humano.
O que resta é uma sombra tênue e leve do que fomos.

ano novo vida velha.
sonhos em processo...
Construa um ano novo

ou melhor um ser humano novo
responsavel pela vida que leva
assim podemos renovar o mundo
nos renovando todo dia!
 
feliz homem novo

Ridiculo da vida

 
O mundo mudou...
Mudou o fundo de tudo.
o tudo do mundo.
O oco do mundo.

Parece cedo,
mas a vida começa rabiscar meu rosto
O risco é profundo e escreve na minha cara as felicidades e as desventuras de se viver.

Viver no todo do mundo,
no oco do mundo
o todo profundo...
Amor pelo mundo.
 
Ridiculo da vida

Estar só

 
A solidão não é ruim,
ela é quem nos acompanha a todo momento.
As pessoas te sufocam, seus amigos
não dizem nada real sobre você.
Apenas a solidão te mostra,o que realmente voce é.

Estar só é estar acompanhado de si mesmo
...É a solidão que te aconselha,pois nos momentos
conflituosos só voce pode se ajudar.

As pessoas passam por nós
mas somente no quarto.
fecha-se o ato.
vc se encontra com o outro.
que é tão voce...
esse outro está no espelho
É seu espelho que denuncia o tempo...
É seu travesseiro que te aconselha...

Cama !
Lama!
Làgrima!
calado!!
 
Estar só

Acordar com Caetano na cabeça

 
Acordei com Caetano na cabeça
Nem tão santo.
Nem tão demônio

Acordar com caetano na cabeça
é lamber o doce que escorre do sorvete no palito.
é chupar deliciosamente a língua quente.

É sentir o gosto do sexo...
Da vida...
Oxalá,derrame o mel do céu baiano sobre nossos
corpos...mentes e coração.
Para que tudo seja mais quente mais vivo

Assim como canto de Bethania
assim como a sabedoria de Cayme
assim como o mar sedutor lindo e traiçoeiro...
como todo amor

Que nos arrasta para o prazer e ao mesmo tempo
pra dor
 
Acordar com Caetano na cabeça

sós

 
Sós

Somos sós,
as pessoas são transitórias
mas ainda temos,a nós mesmos

Gente!
objeto direto incompreensível
Divino!Sordido!
Mas no entanto profundamente atraente.

Gente...gene evolutivo inconstante
triste! feliz! pleno!
Incompleto.
 
sós

encontros insanos

 
Devaneios homéricos,
encontros insanos,
o desejo é evidente
o corpo dopado é humano e inerte

Esse corpo suplica pelo afeto.
No chão o resto da coca.
no corpo aparente cansaço, nos olhos o desejo

voce vê em meus olhos o reflexo de si
mesmo
"cem gramas sem dramas"
deixe eu se ser
seu pequenino
e carente perdido
no beijo o vômito na cama o suor
num cheiro forte de vodka e coca

Aí está seu paraiso iludido
me leve e me perca
me jogo
sumo
me fodo!!!
A mil tons!!
 
encontros insanos

sobriedade

 
Dias que são noites.
seres norturnos me perseguem
e se aloja em meu corpo .

Quero Buscar as criaturas
perdidas,, para me encontrar me
achar me incluir em suas sombras.

não quero o sol
não quero calor
Ele me remete a um insuportável Deus
que me ignora e que me atormenta.

quero a clausura
de meus pensamentos.
Para me buscar.
Me entender.
Dispenso o céu
que me causa inferno
quero me consumir todo numa brasa incessante

Que o sol se apague que os seres
se libertem da divina luz
e se encontre dentro de si mesmos.
 
sobriedade

miocardiopatia

 
Caminhar no escuro.
tropeço,feridas,dores.
Um músculo cardíaco machucado dilacerado.

Nunca cuidamos bem dele e ele responde...
aos cigarros a boemia.....
tem que se perder sangue pressão sangrar sofrer.

sofre coração está longe de eu cuidar de você espero que resista a dor de ser meu.
boemio, amante ...
Dominado por tudo que fere e emociona...
seja forte vou pegar leve
 
miocardiopatia

DE RIEM

 
Quem sou eu!
sou o acidente casual,
entre aquilo que sou...
E aquilo que não sou

sou o ridiculo do mundo
o intermédio de mim mesmo
e de tudo aquilo que quero ser.

Mas não sou ninguém.
Sou um rastro tênue
e impróprio.

Aquele
que nada diz...
Pois é
Sou pequeno e impercepítivel
diante do grande olho, que tudo vê
E que nada sabe
Sou a beleza efemera.

Eu sou o criminal
O carrasco e a vitima,
de mim mesmo.

Prazer me chamo HOMEM
 
DE RIEM

minha arte de viver

 
Viver não tem escolha!
Como viver sim!
Eu quero me engravidar de liberdade,
e voar mais alto que puder!!

Quero ouvir buarque,
e me catequizar por sartre
quero lamber a cor da vida
e olhar o nada, sem saber que dia é hoje.

E se hoje é o melhor dia,
quero ser prisioneiro da liberdade.
E que ela faça de mim seu escravo

Quero ser musica de amor e dor
na voz de Elis Regina, aluna fiel dos mestres que sabem sofrer sorrindo.

dedico a Elis...
 
 minha arte de viver

eterno e breve

 
Gente mente! Sente gente
quero sentir o frescor da pele
na noite!

Te amar por minuto.
Por um instante
Sem demora a cada minuto
eterno.

Seja eterno em mim!
Seja logo meu eterno amor
me deixa , acenda o cigarro

ja te amei!
Me deixa em paz!
Te espero, até nunca mais
Ate o ultimo cigarro.
O ultimo suor...
o ultimo suspiro...
 
eterno e breve

olha o ypê!!

 
Olhar os ypês
fazer de sua beleza
um tapete colorido ora cor-de-rosa,
ora amarelo para enfeitar
nossas ruas e nossas almas

Constatar que na vida
a beleza é passageira, assim como
os tapetes dos ypês na primavera

A beleza da vida só é eterna
quando ela própria habita em nossa mente
ninguem nos rouba,pois a beleza eternizada em nossa mente não cessa,
pois é nosso demais
para que alguem roube.

Nem o tempo ingrato,
muito menos o mecanicismo cotidiano... pode nos tirar o momento sublime de
contemplarmos as flores
de nossa alma.
 
olha o ypê!!

Apresento-me

 
Escorre na janela a chuva
Pranto de Deus.
Sonhos que tive que não retornarão.

Meus erros, minhas gralhas meus pensamentos,
se disfazem como a chuva que penetra a terra e que também penetra minha alma.
sedenta de compeensão.

Vão simbora meus erros.
Meus pensamentos.
Ficam apenas, as poças do que sou
O nada....o pequeno e insuficiente EU..
 
Apresento-me

Nausea

 
Não tenho grana.
No bolso tenho apenas fiapo
velho de cobertor

não quero grana!!
Tenho gana de me enriquecer de vida
pra poder enriquecer a todos
e saciar a todos.

Não é pão.
Nem mesmo caviar...

Eu me alimento de sonho,
de arte de tinta de cores
de som, de música...

Para poder gerar nos outros paixão
amor ,
e essa tal felicidade? ei de encontrar
Seja ela na esquina se oferecendo linda de vermelho
Ou até mesmo se fazendo de dificil como uma falsa virgem
não importa!!!

Quero me afogar nos seus seios
E ali morrer de amor.

A grana?
vai pra zona!!!
Pro lixo e pro estômago
vai pro inferno, pra fossa!!!
 
Nausea

Epitafio

 
sabe quem sou?
me diga
sei apenas
o que não sei...

A morte me visita todos os dias..
me puxa pelos quadris me toma
mas nunca me leva.

Ela me parece tão doce...
qualquer coisa
é doce diante do amargo
das desilusões.

A morte não é negra, escura e fria
ela doce.
Ela é ponto de encontro de todos os seres
Ela une todas as classes.

Doce dama que leva a todos
leve-me
desaprendi a viver.
me toma como a todos me tomaram
mas me leve
me chame para o abismo

não quero ser mais visitado por
corpos estranhos
quero voar para o equilibrio
total das coisas
me demito da vida e dela não quero
acerto nenhum.

aos imbecis e libertinos
meu grande bejo
adios
 
Epitafio

Parte dele

 
A onde está 0 homem perdido na noite
Em busca do pròximo tiro
Em busca do mesmo desvalido apego.

Ele se joga se lança.
A brincar com a vida
A fugir dos medos.

As sombras da noite
O perseguem
fantasma de si mesmo se dopa
se lança
se joga

E na calada da noite se aleita
em meus braços.
que não são meus
são dele
sou extensão do desejo

jà não sou eu
eu sou ele
onde está eu
Me perdi nele
sou ele
 
Parte dele

lamento da puta

 
Perdoe-me por amores roubados.
Por lagrimas caidas.
por duvidas, que emergem do intimo.

Mas nada supera minha tristeza...
A de ser visitada por corpos estranhos
A infelicidade de me virar pro lado da cama
e não sentir o calor do corpo.

Sou um mero objeto de distração do cotidiano
Pois meu dia-a-dia é ser só
sempre só imersa numa luz negra.
Que me leva a solidão e ao abismo...
de ser sempre um objeto.

A voce carissima e zelosa esposa.
ele sempre volta.
seja por amor...
seja por costume...
mas ele sempre volta
a mim resta apenas a existência
fútil de uma cama gelada e um
travesseiro molhado de lágrimas

A voce a sinceridade de um amor.
sexo faremos sempre faremos gostoso.
amor não se faz, ele sempre retorna
volta...mesmo quando se entrega a pseudoamores.

zelosas esposas
Perdoem-me.
 
lamento da puta

=Eu coisa

 
O que somos na vida se não transeuntes passageiros de uma esplendorosa viagem,
as coisas elas se definem a partir do que traduzimos em palavras, quando não as nomeamos tornam -se sem identidade.

Os objetos são o que eu quero que eles sejam eu sou Deus de minhas circunstancias, eu nomeio ,eu faço,eu crio.... eu penso...

Pensar é estritamente humano...
mas realmente é humano todo aquele que tem a ação de pensar
 
=Eu  coisa

OBRIGADO SEU CHICO!!

 
Os seres humanos são objetos,
soltos e estranhos.
Ao prazer de um Deus muleque,
Que rola nossas vidas como
bolas de gude!

Assim vivemos como seres
volúveis, jogados ao prazer sacana de Deus altissimo e boemio, que nos lança
em sua cama e nos faz feliz
como uma virgem em sua tão esperada noite
Depois nos cobre de alegria e nos lança ao mundo
como putanas famintas de desejo.

Cadê Deus?
Ele se foi?
onde estou?
Não fui eu moço?
Até chefia!!
Seu chico, DEUS LHE PAGUE!!!
 
OBRIGADO SEU CHICO!!