http://luademarfim.pt/
 
Poemas : 

MULHER AMADA

 
Foram sonhos leves
que a medo ousei sonhar,
ao sonhar contigo.
Em ânsias de ternuras,
sonhei carícias maduras
de amor antigo,
quando te quis porto de abrigo
na inquietude do meu mar.
( quando te quis fogo, no meu lar,
e caminho do meu regresso,
- em beijos o sucesso
de cada olhar...)
E tudo o que esperei,
e mais do que ousei
esperar,
suavemente,
lentamente,
me deixaste ser,
ir ou ficar,
dia após dia,
e, em profunda bonomia,
sonhar novos lugares,
arfar em outros ares;
murmurar entredentes
o sentir de outras gentes,
e tocar bem fundo
esse outro mundo
que, por ser meu,
também é teu...

 
Autor
Henrique Mendes
 
Texto
Data
Leituras
3489
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
cleo
Publicado: 03/07/2007 00:27  Atualizado: 03/07/2007 00:27
Luso de Ouro
Usuário desde: 02/03/2007
Localidade: Queluz
Mensagens: 3856
 Re: MULHER AMADA
O sonho comanda a vida
E a vida pode ser tudo o que o sonho ousar...
Basta nunca deixar de o sonhar
Mesmo que a vida não deixe o sonho penetrar
Mas ele existe
Neste e noutro mundo qualquer
Onde o pensamento se quedar...

Um beijo
Posts relacionados, Plugin for WordPress, Blogger...