https://www.poetris.com/
 
 
Déspotas! Empirismo, pragmatismo, dogmatismo…
Sem fim, somente por fim, mas enfim…
Canções, sonetos, todos à beira do abismo!
Pois esse é o destino! Teu! Deles! Vosso! E de mim…


António de Almeida

 
Autor
Antonio de Almeida
 
Texto
Data
Leituras
668
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
JSL
Publicado: 26/07/2007 18:10  Atualizado: 26/07/2007 18:10
Colaborador
Usuário desde: 10/05/2007
Localidade: Minho
Mensagens: 680
 Re: Destino
O destino trouxe-me aqui para deixar este comentário
e eu na minha eterna contradição não comentei porque queria dizer que devo voltar...


Abraço

JSL