https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Haveria de ser, sim…

 
 
 
Haveria de ser, sim
Um paraíso
Quando me acorrentassem
E se continuassem
Nos meus olhos

Enterraria o meu corpo no chão
Para que nele se deitassem
E se espreguiçassem
Como o sol se espreguiça na eira
Após as colheitas de Outono

(Esse Outono verde nas pupilas dos meus olhos ainda em sangue
Pelos mendigos que nunca viram o mundo)


Haveria de ser, sim
Um paraíso
Se neles encontrasse o tamanho das searas
Se deles desenterrasse as boas marés
Restolho de uma santa fé
A rolar, sempre a rolar na tômbola sagrada

Formas encontradas em vórtices giratórios
Cristais e mais pedras preciosas
No centro da terra
Cristalizadas por Júlio
Ou por um paraíso de nome Verne
Que de tanto esmiuçar o ar
Caiu, caiu
Em cima de um velho
E desmistificado centro

Vem comigo
Levo-te a ver
Aquele ponto escondido
Que foi meu e teu
Quando nos perdemos
No paraíso de Galileu

Vou contigo
Sempre que queiras
Amar um corpo
Que já não é meu
Por ser só, uma açucena
A esvoaçar no deserto

Tão perto que estaria desse mar que é teu
Se me dissesses onde fica o meu
Tão longe, tão longe, desse céu
Que foi oceano
E terra
E se perdeu




 
Autor
ÔNIX
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1411
Favoritos
7
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
70 pontos
14
0
7
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Karla Bardanza
Publicado: 30/07/2010 15:19  Atualizado: 30/07/2010 15:19
Colaborador
Usuário desde: 24/06/2007
Localidade:
Mensagens: 3491
 Re: Haveria de ser, sim…
Delicioso poema.Levo-o para mim.

Karla Bardanza


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 30/07/2010 16:36  Atualizado: 30/07/2010 16:36
 Re: Haveria de ser, sim… /ÔNIX
Dolores, toto o poema é um assombro, mas o final, deixou-me fora da terra,fora do céu !

"Tão perto que estaria desse mar que é teu
Se me dissesses onde fica o meu
Tão longe, tão longe, desse céu
Que foi oceano
E terra
E se perdeu"

Beijos


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 30/07/2010 16:37  Atualizado: 30/07/2010 16:37
 Re: Haveria de ser, sim…
Pois é Dolores! Um poema não só grande pela beleza como tb pela mensagem. A grandiosidade está para alem de nós. Está á nossa frente e cerramos os olhos. Nem todos têm a capacidade de ver e sentir uma planta crescer, e tampouco imaginar o mundo dentro de um grão de areia que constitui o deserto. Então para Quê as palavras e somente vemos o deserto?

O teu poema está cima da compreensão.

Beijo azul


Enviado por Tópico
Avozita
Publicado: 30/07/2010 17:27  Atualizado: 30/07/2010 17:27
Colaborador
Usuário desde: 08/07/2009
Localidade: Casal de Cambra - Lisboa
Mensagens: 4531
 Re: Haveria de ser, sim…
Poema e video complementam-se,
numa esplendorosa vida inatingivel
para muitos seres humanos.

Adoro ler o que escreves Dolores.
Beijinhos amiga
Antonieta


Enviado por Tópico
AnaCoelho
Publicado: 30/07/2010 21:41  Atualizado: 30/07/2010 21:41
Colaborador
Usuário desde: 09/05/2008
Localidade: Carregado-Alenquer
Mensagens: 12081
 Re: Haveria de ser, sim…
Existem mendigos que nunca conseguem ver o mundo, vagueiam tudo está bem no centro do olhar no pulsar constantes das coisas que se sentem, Cegueira de olhos abertos em focos difusos...

Mais um bom poema

Beijinhos


Enviado por Tópico
saozinha
Publicado: 30/07/2010 21:52  Atualizado: 30/07/2010 21:52
Colaborador
Usuário desde: 09/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1606
 Re: Haveria de ser, sim…
Minha querida Dolores.

Li e reli este poema,tentei sentir a alma da escritora que diz de si e do seu mundo,e vi aqui retrado em palavras,aquli que mais incomoda a nossa alma,e penso eu a alma da poetisa,mas tambem o paraiso.

está aqui tudo,as estações do ano,estampadas no olhar,as searas,o alimento do corpo e da alma,o mar,as marès,qua vazam e enchemao ritmo das fases da lua,tão femininas,tão intensas,e o amor a doação dos corpos.


haveria de ser sim o paraiso,se tudo isto se conjugasse,e a pobreza do corpo e do espirito não fosse tambem presença desta passagem.

Um beijo grande


Enviado por Tópico
HelenDeRose
Publicado: 31/07/2010 15:42  Atualizado: 31/07/2010 15:42
Usuário desde: 06/08/2009
Localidade: Sorocaba - SP - Brasil
Mensagens: 2092
 Re: Haveria de ser, sim…
O seu poema tem uma profundidade histórica que nos lança para um lugar que só encontramos em nós mesmos. Haveria de ser, sim...se o encontrássemos no mesmo nível e na mesma ordem. Todo ponto de chegada é o mesmo da partida. Adorei e vou guardar, Onix.