https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Sândalo e pêssego

 





No ínterim,
rápida, impudica,
nadava nua, náufraga,
no pélago virente alegórico,
tão frívola, maleável e plástica.
Mais além,
excêntrica, mística,
posta num figurino exótico
emanava balsâmicos eflúvios, ,
sabendo à sândalo e ao pêssego.
Emblemática,
mas ainda telúrica,
silente, agora em êxodo
voava livre , dinâmica, míope,
pálida em direção à selênica lua,
lado a lado de um só pássaro elástico,
tântrica ave, hermética, esotérica e gótica.










De arrebatada figura,
sou altivo, sou forte,
não carrego lutos e mágoas,
até um dia enganei a morte,
na sua faina de colher almas
e renasci.

 
Autor
Warmien
Autor
 
Texto
Data
Leituras
688
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
8 pontos
4
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 28/05/2014 18:33  Atualizado: 28/05/2014 18:33
 Re: Sândalo e pêssego
Gostei!

Muito!

Voltei aos tempos medievais!

Beijos,

Anggela

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 28/05/2014 19:32  Atualizado: 28/05/2014 19:32
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29310
 Re: Sândalo e pêssego
Me nalfrageui na plastica desse deslumbrante poema, encanto

Enviado por Tópico
saraabreu
Publicado: 28/05/2014 21:01  Atualizado: 28/05/2014 21:01
Colaborador
Usuário desde: 25/05/2014
Localidade:
Mensagens: 2423
 Re: Sândalo e pêssego
Belo poema Warmien a poesia é assim:

"lado a lado de um só pássaro elástico,
tântrica ave, hermética, esotérica e gótica.

Criativo.
Abraço
Luzia

Enviado por Tópico
saraabreu
Publicado: 28/05/2014 21:02  Atualizado: 28/05/2014 21:02
Colaborador
Usuário desde: 25/05/2014
Localidade:
Mensagens: 2423
 Re: Sândalo e pêssego
Belo poema Warmien a poesia é assim:

"lado a lado de um só pássaro elástico,
tântrica ave, hermética, esotérica e gótica.

Criativo.
Abraço
Luzia