https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

E Das Vezes

 
Tags:  amor    soneto  
 
E Das Vezes

Quero-te sem medo e sem receios!
Condensarei teu murmúrio ao meu alcance
Na mais pura extasia desse lance
Quando a perfeita simetria dos teus seios

Alcançar minha pele então desnuda,
Nada mais entre nós, nada mais...
Só o belo arrebol dos pantanais
A querer-te mais que eu e mais sisuda...

E das vezes que o beijo incoercível
Sulcá-la às raias do inconcebível,
Certamente novo beijo pedirá;

E das vezes que seu corpo estremecer
Em choques delirantes de prazer,
Novamente a outro extremo se dará.

Álvaro Silva.₢

Peço desculpas pela falta de métrica. Sou apenas um amante dos sonetos e apenas isso, não domino essa técnica. sei que métrica é uma das regras para a escrita de sonetos, mas vos confesso nunca a estudei!
 
Autor
Álvaro
Autor
 
Texto
Data
Leituras
839
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
27 pontos
11
4
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 12/01/2015 18:59  Atualizado: 12/01/2015 18:59
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9217
 Re: E Das Vezes
Boa tarde Álvaro, quando duas almas afins se cruzam, começam a pavimentar os caminhos para que possam se unir em qualquer ponto de suas caminhadas, parabéns pelo contagiante soneto, um abraço, MJ.


Enviado por Tópico
MarySSantos
Publicado: 12/01/2015 19:23  Atualizado: 12/01/2015 19:23
Luso de Ouro
Usuário desde: 06/06/2012
Localidade: Macapá/Amapá - Brasil
Mensagens: 5282
 Re: E Das Vezes
"E das vezes que o beijo incoercível
Sulcá-la às raias do inconcebível,
Certamente novo beijo pedirá;"

destaco essa estrofe, mas o soneto inteiro é um brocado.

gostei muito.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 12/01/2015 19:31  Atualizado: 12/01/2015 19:31
 Re: E Das Vezes
Álvaro,o teu soneto está lindo!
Parabéns

Enviado por Tópico
Semente
Publicado: 12/01/2015 20:03  Atualizado: 12/01/2015 20:03
Colaborador
Usuário desde: 29/08/2009
Localidade: Ribeirão Preto SP Brasil
Mensagens: 8696
 Re: E Das Vezes
Em primeiro lugar quero te dizer que foi bem legal a sua anotação sobre a falta de métrica ao soneto, que com efeito, faz parte. Penso que com um pouquinho de estudo sobre as regras, esse aprender se fará rapidinho, se desejar escrever sonetos, é óbvio.

Entretanto, Álvaro, o teu poema está bem estruturado como versos Livres, que foram introduzidos pelo modernismo, ou seja, versos sem regras! Penso que é muito bom estudar, conhecer, ler bastante, etc e tal, mas há algo que escola nenhuma no mundo vai te dar: a poesia que já mora em ti...O sentimento, o amor por escrever, essa disposição ou paixão que liga o escritor à escrita, e isso parece que vc tem de sobra. Gostei da sensualidade do teu texto, parabéns!

Abraços !!




Enviado por Tópico
Ro_
Publicado: 12/01/2015 20:37  Atualizado: 12/01/2015 20:37
Colaborador
Usuário desde: 25/09/2009
Localidade: Brasil
Mensagens: 3962
 Re: E Das Vezes
Que lindo!
Adorei tua escrita!

*-*

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 12/01/2015 21:20  Atualizado: 12/01/2015 21:20
 Re: E Das Vezes
Ficou lindo poeta!

Parabens!

Abracos.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 13/01/2015 11:18  Atualizado: 13/01/2015 11:18
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 15944
 Re: E Das Vezes
Parabéns Poeta
Belo soneto! Beijos!
Janna