Poemas : 

OlÁ...

 
Dantes rimava,
escrevía e sonhava
por tudo e por nada,
vivía apaixonada
pelas palavras
e extensas
as lavras
das pretensas
poesias...

Agora nem rimo
nem remo
nem rumo.

Sou alma num limbo
sem fio de prumo,
mas viva presumo.

Suspiro e só
por aqui me quedo.
E alguém desate o nó
e prossiga o enredo.

E Abraços siderais
da amiga ao inteiro dispor,

«*+*» «*+*»
MaRiA cOtOvIa

 
Autor
Mariaa
Autor
 
Texto
Data
Leituras
3130
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
14 pontos
2
2
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 12/05/2016 20:01  Atualizado: 12/05/2016 20:01
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 12485
 Re: OlÁ... P/Mariaa
Olá!
Como estou
triste, verdade
de não ter
tido a bondade
de me dar
uma resposta
à minha carta
aqui posta
Levava a minha
saudade
e o tempo
de ansiedade.
Até a mensagem
privada...
sem um beijinho
nem nada.
Porque está
amargurada?
posso ajuda-la
a dar uma risada?
Beijinhos, vou ler
a outra poesia
espero que tenha
um pouquinho
de alegria.

Vólena

Enviado por Tópico
Nininha
Publicado: 12/05/2016 20:10  Atualizado: 12/05/2016 20:10
Membro de honra
Usuário desde: 14/04/2016
Localidade:
Mensagens: 1779
 Re: OlÁ... P/ Mariaa
Olá meninaaaaa!!! Saudades de te ler!!
Beijinhos e volta logo! Pode ser que voltemos a rimar juntas! Voltei!!