https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

julgar do tempo

 
momentos de liberdade ausente
para a alma sofredora
pessoas esquecem o jeito
o tempo ira julgar seleto

Passa o tempo decadente
queima a vela irrequieta
resta a vida como traço
restam lágrimas furtivas
restam interrogações feitas
malfeitas nenhuma resposta.

 
Autor
Dellamare
Autor
 
Texto
Data
Leituras
390
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
MariaSousa
Publicado: 22/08/2016 22:26  Atualizado: 22/08/2016 22:26
Membro de honra
Usuário desde: 03/03/2007
Localidade: Lisboa
Mensagens: 4096
 Re: julgar do tempo
Parei para ler e gostei.

Enviado por Tópico
MariaSousa
Publicado: 22/08/2016 22:26  Atualizado: 22/08/2016 22:26
Membro de honra
Usuário desde: 03/03/2007
Localidade: Lisboa
Mensagens: 4096
 Re: julgar do tempo
Parei para ler e gostei.