https://www.poetris.com/
Poemas : 

Parte de frase

 
Tags:  desordem  
 
Quando as flores nascem
damos-lhes um nome.
Num gesto fino
nasce a lua
e no breu instalado,
inculta, a flor trai-se
e respiramos o mesmo ar.

Quando as flores nascem
têm uma cor.
No profundo da clorofila
definem a parte dos ramos para onde irão,
os jarros que as esperam,
a água que lhes matará a sede
como a tesoura de podar.

Quando as flores nascem
livres são.
Hão-de ser parte de mel
se lhes calharem as abelhas certas;
ou perfume
ao lhes violarem as pétalas doces
e mutiladas.

Quando as flores nascem
damos-lhes um nome,
parte de frase
por acabar.


A minha pátria é a língua portuguesa.
Bernardo Soares

Saibam que agradeço todos os comentários, de coração...
Por regra não respondo.



 
Autor
Rogério Beça
 
Texto
Data
Leituras
184
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
0
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.