https://www.poetris.com/
Sonetos : 

ALGURES

 
Tags:  SONETOS 2017  
 
ALGURES

Tenho andado por aí sem qualquer norte,
Seguindo, distraído, algum caminho.
Passo a passo, porém, eu me avizinho
Do que se não me mata faz mais forte.

Talvez aonde vou já não me importe
Tanto quanto esta estrada em que caminho,
Cujo fim, bem ou mal, eu adivinho
Decerto não chegar antes da morte.

Algures pelas terras brasileiras,
Poeto acerca de tudo que acontece,
Enquanto busco as novas rotineiras.

Que, embora não pareça muito certo,
A morte cerca àquele que padece,
Estando muito longe ou ainda perto!

Betim - 17 08 2017


Ubi caritas est vera
Deus ibi est.


 
Autor
RicardoC
Autor
 
Texto
Data
Leituras
135
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Semente
Publicado: 19/08/2017 15:44  Atualizado: 19/08/2017 15:44
Colaborador
Usuário desde: 29/08/2009
Localidade: Ribeirão Preto SP Brasil
Mensagens: 8696
 Re: ALGURES / PARA RICARDO C
Uma andança que não tem nada de distraída, poeta, porque a reflexão está entranhada no sujeito, entre o pensamento e a palavra dita, a cada passo desse soneto melodioso e bom de ler.
Refleti junto contigo, por essas terras brasileiras!

Bravos pela beleza que vi e li!
Bjos