https://www.poetris.com/
Poemas : 

Memórias de luz

 
Vasos vazios na janela do tempo
memórias de luz
no lugar desértico do destino sem voz
tempo em passagem na sede da claridade
que o coração conduz
pensamentos que alimentam
a alma
asas soltas nas suaves brisas
trazidas pelas nuances
das asas brancas vestidas pelo horizonte
claridade evidente sem ciência
é amor e verdade crescente
em tudo o que se sente
perfume que se entranha no espírito
numa viagem sem rota
pelo mar das inspirações
preenchimento em flor
que brotam ao sabor da primavera
anunciada e amada
pelas sementes férteis
mãos que as levam pelas veredas do mundo
com a esperança nos bolsos da alma
a criar passagens firmes
para todos os passos da humanidade!


Ana Coelho
Os meus sonhos nunca dormem, sossegam somente por vagas horas quando as nuvens se encostam ao vento.
Os meus pensamentos são acasos que me chegam em relâmpagos, caem no papel em obediência à mente...

 
Autor
AnaCoelho
Autor
 
Texto
Data
Leituras
59
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.