https://www.poetris.com/
Sonetos : 

PELE A PELE

 
Tags:  SONETOS 2020  
 
PELE A PELE

A pele que me veste e te reveste
Limita esse meu ser de mais estar.
Devolve a minha mão ao te tocar
Desmedida a ternura que me deste...

Contenho e estou contido dentro deste
Invólucro de cores sem lugar...
Se suo com ardores de te amar,
Teu palor é quanto me quiseste...

Assim esses contornos de nós dois
Se roçam e remoçam pele a pele
Até a entrega lânguida depois.

De modo que do quanto se revele,
De quem fomos ou somos ou seremos,
Eis aqui nos carinhos mais extremos...!

Betim - 27 05 2020


Ubi caritas est vera
Deus ibi est.


 
Autor
RicardoC
Autor
 
Texto
Data
Leituras
86
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
2
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 29/05/2020 01:35  Atualizado: 29/05/2020 01:35
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 16667
 Re: PELE A PELE
Ricardo
Belíssimo soneto! Parabéns!
Abraço!
Janna