https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

ATRASADO

 
Quiseste pôr termo
um termo neste amor
fiquei... isoladamente, como um ermo
absorvida pela angustia e pela minha dor
passei pelas noites mal dormidas
isoladas e mal acabadas
as minhas ideias eram apagadas
meu olhar inundado de dor
transmitia no meu semblante o sentido do doer
era a perda... de já não te pertencer
mas instintivamente, adorei a minha cobardia
que não veio no meu amanhecer, mas também não foi tardia
de tanto sofrer de tanto pensar ... eu me inspirei
sentindo novamente uma sensação tão agradável
que a impus em mim própria, era mais uma prova
quando novamente te aproximaste
e me disseste que ainda me amavas
olhei-te sorrindo... notei o teu arrependimento
mas para mim, estava tudo acabado
perdoei-te ... de tanta falsidade
mas o teu amor
desta vez ... chegou atrasado!
Analili 18/07/02

 
Autor
lilianasantos
 
Texto
Data
Leituras
764
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.