https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Saudade : 

RODINHA26-POEMA EM BRANCO

 
.<br />


















........................................................................................................
sim. é isso mesmo um poema em branco. A Rodinha26. fragmentos de um sonho - OX PÓ, foi escrita faz 20 e halley anos e durante tanto tempo as folhas singelas onde foram escritas foram andando de maço para cabaço. Perdida a página 16 obriga-me a que publique um poema em branco. Quero a vossa ajuda para encontrar esse poema perdido, e por isso peço-vos que me deixem aqui um poema, nem que seja somente um SE ou um É.


O homem antes de ser o ente do ser é o ser do-ente

Livros:

Quase um Livro:
www.rodinha26.blogtok.com
Coisas da escrita:
www.avkd.blogtok.com
Um tratado:
www.gov.blogtok.com

Projectos Web:
Um Portal:
ww...

 
Autor
JSL
Autor
 
Texto
Data
Leituras
924
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
4
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
JSL
Publicado: 12/06/2007 00:17  Atualizado: 12/06/2007 00:18
Colaborador
Usuário desde: 10/05/2007
Localidade: Minho
Mensagens: 679
 Re: RODINHA26-POEMA EM BRANCO
Por diversas vezes pensei juntar uns trocos e editar em "livro" esses fragmentos de um sonho. É um punhado de escritos, que por serem meio obtusos dizem-se poemas. Tinha como intenção nessa página escrever um poema/dedicatória para cada amigo a quem oferecesse o dito-cujo. Tenho comentado a malta, e dentro do possível em "poesia". Prometo que não vos "reclamarei" mais nada, mas por favor, estou a falar para poetas ... na humanidade tão desumanizada ...eis a última esperança: vós.

Enviado por Tópico
JSL
Publicado: 12/06/2007 00:27  Atualizado: 12/06/2007 00:27
Colaborador
Usuário desde: 10/05/2007
Localidade: Minho
Mensagens: 679
 Re: RODINHA26-POEMA EM BRANCO
Faço-me homem a fingir
Como quem com erro acerta
Porque esta arte de iludir
É meu jeito de ser poeta

20JAN1985

Enviado por Tópico
JSL
Publicado: 12/06/2007 00:37  Atualizado: 12/06/2007 00:37
Colaborador
Usuário desde: 10/05/2007
Localidade: Minho
Mensagens: 679
 Re: RODINHA26-POEMA EM BRANCO
Ser louco é ...

Estar no manicómio e não ser louco
É estar entre grades e não ser prisioneiro
É ser tanto por ser tão pouco
É prender e não ser carcereiro

É não ser rei e ter trono
É ser odiado por não odiar
É ser cão legal sem ter dono
É ser carrasco e não matar

E para uns a dor e a ferida
É a morte da própria vida
E é sol de pouca-dura

Não há louco que queira saber
O que com ela se pode fazer
Se tão louca é a loucura.