Poemas, frases e mensagens de joakencor

Seleção dos poemas, frases e mensagens mais populares de joakencor

Voláteis

 
Ficou ainda um gosto daquele tempo na minha vida, um arrependimento de ter crescido, virado gente séria, largado pra traz aquilo que era pra ser, pra ser isso, um dormente de trilhos que não levam a lugar nenhum. Perdi a amizade dos anjos, a companhia das ilusões, e o que mais dói, a sensação perdida de ser eterno, do pressentir que faltava pouco pra eu ser feliz. Agora, de minha boca saem canções tortas, poemas mofados, risos mudos. Me dirias tu que esbanjas franquezas, que isso é só o meu morrer, mas pra mim, é só o gosto do tempo, daquele próximo tempo sem minha vida.
 
Voláteis

Cartas Molhadas

 
...se pensa em mim ao observar o horizonte, e pensa em me pertencer, e por só uma questão de tempo ainda não é. Teria eu, e só eu, a noção de sua dimensão total, e lhe completaria em tudo que sua feminilidade busca. Mas, ao escrever nosso futuro esbarramos na realidade que nos divide ainda em dois. Então começa a contar os dias, a observar a morte dos minutos, a agonia das horas com prazer. Se não for pra sermos nossos, não seremos por nada.
 
Cartas Molhadas

Desculpe-me

 
..que nem sempre o bem feito é certo. E esses meus erros crônicos acabam por formar um imperfeição aceitável. Mas se vou aos poemas, busco uma forma de me desculpar melhor. Como deixei de ser o serviçal e o samurai, vago nas esperanças que monto e remonto dia-a-dia. Se soubesse erguer uma desculpa que estivesse a sua altura, ai então, depois do perdão, seria de fato como sou nos seus sonhos..
 
Desculpe-me

Pé de Vida

 
..e que buscava a harmonia entre o que a vida queria fazer dela e o que ela queria fazer da vida. Abri o livro bem nas páginas onde estava a flor pálida, li e reli tudo, fui até a janela e atirei a flor que finalmente se libertava em seu lento pousar sobre a terra, mas estava a muito longe de sua era, e teria que esperar o giro do mundo pra voltar a terminar o que era. São essas lágrimas que vazam pra dentro, que formam meus lagos de solidão. Não importa o que eu diga ou sinta, vou girando e girando..perdido como as palavras amarelas desse livro, que se quisessem não poderiam reencontrar a mesma boca que lhes geraram. Não importa o que eu lhe diga...
 
Pé de Vida

Espaços Únicos

 
...nesses tempos os pensamentos são aves domésticas que deixo voar embora sei que voltarão. No malho da vida até o aço têm alma. Me fez o tempo um colecionador de saudades, de esperanças, de encontros e desencontros. Viver não é só viver, é reviver, fazer dos dias curtas primaveras, canteiros pequeninos onde se cultivam belezas nas horas. Viver é saber da finidade da existência e não chorar quando me dizes que é pra sempre, sabendo que sei que sabemos que não será.
 
Espaços Únicos

tua batata ta assando...

 
...levei sim um belo tombo, belo porque são obras de deus, mesmo os tombos. e eu me levantando, a testa rachada e os olhos melados pelo sangue grudento, na hora pensei ter visto deus dizendo "tua batata assando".
mas essa expressão e ainda usada por deus, ridículo mesmo, coisa de cabeça rachada.
mas isso ficou....e toda hora, o dia inteiro pensava - tua batata ta assando, tua batata ta assando, tua...a sei la quase fico louco e penso batatas não existem no céu, só vinho, pão e musica relachante, mas batata e assando, seria coisa do inferno. isso, um tombo como aviso, a morte prõxima e depois, inferno.
e aí cada um com sua batata ardendo na mão eternamente assssammmmddduuuuuuu....
 
tua batata ta assando...

Sob o Papel

 
..... Sobre o papel cresceram paisagens. correram rios, viveram mulheres ímpares e homens sem pares. Sobre o papel colori destinos, sobre o papel os sonhos dormem.
 
Sob o Papel

VORACIDADES

 
A SOLIDÃO É A TINTA DE QUASE TODOS OS POETAS. São mesclados de abandonos e ficam tristes porque percebem que até as lágrimas caem sós. O amor as vezes é só insistência, só. Somente e só. Por isso não me atire teus desprezos, eu já os cavalguei antes, e me lamberam, depois, as mãos e o sangue. Me atire sim um pedaço do teu caminho, um parapeito, um fundo musical com neblina, sei lá, mas continue me atirando as esperanças, mesmo que mortas, pra mim,.
 
VORACIDADES

Ser Material, Ser Espiritual

 
Hoje os homens se matam divididos por uma trincheira espiritual e outra material. Os que não podem mais possuir tudo não se dão conta que os próximos passos da humanidade de agora em diante só podem ser pela evolução do espírito. Se a matéria, já dominada, não atende mais os anseios de um outrora primitivo homem, seguiremos agora pelo caminho da alma. Mas, se não compreendemos isso, buscamos no ódio, na ambição motivos pra continuarmos vivos. Viver nos nossos tempos é comungar, descobrir que o outro é mais um irmão que quer partilhar o pão da paz, o modo como ele encontra seu Deus é só um caminho diferente, mas igual, de como nós encontraremos o nosso.
 
Ser Material, Ser Espiritual

Plumas da luz

 
...e que viver é bem diferente de existir. Mas nunca creditaram na sua conta o que conseguia fazer de bem. Se sentiu tocada por um passarinho nu em seu primeiro e único contato com seu bebe, que depois foi levado, uma peça fora da linha de produção. Mas a sua volta outros recém nascidos gritavam, xingando o mundo por ter conseguido mantê-los presos nas teias da vida. E seus seios, já dois jorros de doçuras, bem que poderiam amenizar o sofrimento de alguns daqueles pobrezinhos cativos.
 
Plumas da luz

O Vendedor de Bolhas

 
...e que melhor não ter nada que ter promessas. A vida não lhe calibrou totalmente, deixando seus dias, micro contos inéditos de autores pra sempre desconhecidos. No quintal dos fundos amanhecia com taturanas e se apaixonava por pedregulhos. Ao lagarto doméstico servia as moscas da sala. Ninguém lhe teria avisado que haveria a solidão. A criatura suspensa que era, ao criador desafiava, lhe fazia repor fatos além dos conteúdos daquela vida. E seguia seguia...
 
O Vendedor de Bolhas

Suco de Estrelas

 
E me diz que eu não sou deste mundo. Então lhe mostro que essa coisa de um único mundo não existe, que somos astros espirituais, repercutindo de formas diversas o mesmo big bang, e que as estrelas nos vigiam, tanto quanto nós a elas. Sempre, desde o início, nesses encontros, nossos pensamentos se embaraçam, e nossas frases entortam, nos diálogos que sempre culminam em dois silêncios idênticos. Dessa vez eu olhei pra ela repousando suas mãos sobre suas coxas nuas, parecendo uma santa que fugiu do altar porque não a deixavam usar essa sua segunda pose de orar. Aí ela me vem com essa: Você bem pode ser o único cometa que passa pela minha constelação.
 
Suco de Estrelas

Cartas Marcadas

 
..tem dias que eu não sei dizer e fico devendo respostas, perguntas. Prescrever dia a dia uma receita pra existir. As palavras não fogem da minha boca feito pássaros engaiolados, e meus pensamentos sentem saudades de um riso, talvez a minha melhor canção. Então se sentes o que eu digo, não ligue, só me deixe gastar esses minutos com você, e se puder esqueça dessa minha presença grave, que eu não quero ser, mas você me diz que gosta, mesmo assim. Eu dispenso até deus pra ficar ateu lado.
 
Cartas Marcadas

Partes Iguais

 
...e Deus fez o universo pra que o amor estivesse em todos os lugares. Nossas palavras benditas, arranjos florais para uma rotina perfeita. Mas quando me contaram que quando pergunta por mim seus olhos sangram sal, e percebe-se nela uma dor muito íntima, cuja distância forçada, havia lhe criado durante um longo tempo em nossa solidão gêmea. Sentiam como se nela, ao percorrer os anos seu coração ficara faltando uma nota de afinação de seus batimento, e a falta da minha presença, igual a chuva sempre só prometida, deixara de aguar a planta de seus sentimentos, eu teria sido o primeiro jardineiro de sua primavera. Mas se ela chora ao recolher nos outros resquícios meus, culpo por isso a falta de força de uma conspiração que nos aproximaria novamente. Mas sei que fui uma espécie de portal do masculino, que lhe permitiu esperar dali mais confiança nos seus prováveis amantes futuros, e eu, eu só procurei cuidar, cuidar daquele coração que flori, assim, ao meu partir, tenta até agora entender, em parceira com a dor, que outros corações antes secos, me aguardavam depois de sua vez.
 
Partes Iguais

Tremas de Lara

 
.. a solidão da alma e da carne, uma é hospedeira da outra. Alcançava as mãos pras nuvens e tentava encarar o sol. O Ícaro, se não caísse, onde pousaria?
 
Tremas de Lara

Mandalas

 
Se falas tanto do destino, que espalha seu peso pelo ar. Nele é que cavo meus pensamentos. Pouco antes meu cão tomou o pássaro da boca do gato, mas tomou-lhe o destino, ou o gato do destino do pássaro, e se foi o pássaro que o tomou do cão. É uma névoa nossa cina, a vemos bem nos dias fechados que nos forçam, pelos tropeços nos fatos quase sempre encobertos, a sondarmos como quem procura a arte e não o menino. A desconexão, o desligar é impessoal, é uma obra de vários culpados. Por isso ,desconfio, que ao matar o gato, o destino salvará os seu dos ratos.
 
Mandalas

Madrigais

 
...estamos tão perto do nosso nunca mais, as coordenadas mudaram bem no nosso tempo, e ninguém sabia que morreríamos de luz. Não o fogo, a água, mas de luz. Esse ajeitamento galático não leva em conta a minha ou a nossa história, somos só um descuido sem autor. Mas você verá, ao romper da última aurora que será belo o fim, e, talvez me abrace e faremos o nosso próprio alinhamento pra derradeira paz.
 
Madrigais

Flor do Sol

 
...então me perguntou se o que eu falava era o que o meu coração sentia. Disse que sim, e levantei, abri a janela lentamente e o sol ia montando aos poucos uma escultura dela deitada por mim.
 
Flor do Sol

Viveiros

 
..pois bem, ela disse. E fui sabendo que em todos os lugares alguém sente quase exatamente o que eu sinto...,rodopios de pensamentos, saladas de sensações,... viver é refazer a fé e a esperança, que lá atrás, alguém gerou pra nós.
 
Viveiros

proximidades

 
..... a minha volta é tua, como a distância é nossa. Não fales nada, me escuta. Eu sei, eu sei de quase tudo de ti, essa mescla, resumem no amor. Entre nós não, não, somos párias, por isso nos amamos assim, sem tampa, ou palavra que possa atrapalhar, só o sentir que é tanto, um universo e tanto pra nós....
 
proximidades

....momento, esse naco do tempo que a memória mastiga..