https://www.poetris.com/
 
Mensagens -> Amor : 

Acredito no Amor Verdadeiro

 
Acredito no Amor Verdadeiro
 
Aqui há tempos li um artigo que falava sobre "Acreditar no amor verdadeiro" e que questionava forma de amar de Romeu e Julieta, Pedro e Inês, dois exemplos de amor para muitos, mas que no fundo é um amor cobarde, pois a "Romeu e Julieta o amor levou-os a desacreditar da própria vida e sem vida não existe amor..O de Pedro e Inês porque não tiveram coragem de o viver e sentir perante a sociedade"....Este artigo escrito por Eduardo Mesquita foi o artigo mais conciso e real que já li.
O artigo falava que "o amor não pode ser uma tragédia, não pode ser uma renúncia á própria vida, amar é viver intensamente e é no saber aproveitar esses momentos durante uma vida inteira que poderá fazer com que o amor se eternize"... e continua "O amor vive-se com bases no presente, com tudo o que se faz e nos rodeia "...este texto diz muito mais e me fez parar para pensar o quanto o Eduardo Mesquita está certo...só tenho pena de não ter tido oportunidade de o ler mais cedo...mas como acredito que para tudo há um tempo...li na altura certa, no momento exacto...
De facto amar não é renunciar á própria vida, não é lamento, angústia, sofrimento...o amor tem de ser vivido no presente...intensamente...mas com tranquilidade...amar é sentir que aquela pessoa é a mais importante da nossa vida, aquela que sentimos na nossa pele, aquela que está no nosso pensamento a todo o momento...
Quantos de nós já acreditamos que amamos e um dia alguém nos mostra o que é o Amor em toda a sua essência..
Quando eu senti o que era o amor, o que era o amar em toda a plenitude, confesso que não soube lidar da melhor forma, talvez tenha exigido demais, talvez porque amava com tanta intensidade e nunca tinha sentido esse sentimento dessa maneira..nunca ninguém antes me tinha feito querer VIVER, fazer dos meus sonhos uma realidade e mostrar que eu também tinha direito a ser feliz...sim, a minha forma de amar era tão intensa que exigi demais...o que é verdade é que este amor me fez crescer como pessoa, me mostrou que eu podia ser feliz na minha vida real, não no mundo de sonhos em que vivia...houve alturas em que me angustiei, fiquei sem entender certas situações, me fez ter dúvidas se eu me tinha enganado tanto com alguém, tive alturas que meu coração me doía tanto que me fazia chorar...
Parei para pensar que se amo desta forma tão intensa, tão verdadeira, se amo e acredito com todas as minhas forças, não tinha porque sentir isto, tinha que me sentir feliz, tranquila e principalmente viver cada momento com muita intensidade....e nesses momentos entregar-me completamente sem pensar no amanhã, porque nós vivemos no hoje, não no ontem, não no amanhã, mas sim no hoje, eu amei muito ontem, mas hoje amo muito mais e é hoje que quero viver este amor...
Acredito no amor vivido em "O diário da nossa paixão", em que eles sempre acreditaram no seu amor e viveram cada minuto acreditando nele...até á morte...acredito no amor vivido em "O Gladiador", em que Maximus perdeu o seu amor, mas mesmo com a perda ele continuou a acreditar e morreu acreditando que iria perpetuar o seu amor, porque a última visão que teve foi ir ao encontro da mulher que amava e do seu filho...acredito no Victor, personagem de "Em carne viva", ele amava aquela mulher e nem os anos e nem o facto de saber que ela tinha alguém o fez desacreditar do amor que sentia...
Eu também amo, vivo cada momento, sinto esses momentos, guardo-os e isso me dá tranquilidade e mesmo quando estou só, lembro-me de todas as expressões, de cada olhar, de cada gesto, de cada toque...Acredito no que sinto...amo...sei que vou amar enquanto houver hoje...
Por isso, sim..ACREDITO NO AMOR VERDADEIRO...

Marina Monteiro 14/11/09

 
Autor
MarinaMonteiro
 
Texto
Data
Leituras
2615
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
2
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Liliana Jardim
Publicado: 15/11/2009 01:21  Atualizado: 15/11/2009 01:23
Luso de Ouro
Usuário desde: 08/10/2007
Localidade: Caniço-Madeira
Mensagens: 4550
 Re: Acredito no Amor Verdadeiro
Sabes poetisa? eu tambem acredito, mas tambem defendo que esse amor verdadeiro deve ser partilhado, lado a lado, nas alegrias, nas tristezas, no crescer de cada um, no respeito pela liberdade de cada um e na liberdade do "nós", sem barreiras, sem preconceitos, sem prisões, mas simplesmente ser em cada um, e ser no "nós"

Gostei de te ler
Obrigado pela partilha

Jinhos
Tudo de bom para ti

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 22/08/2010 09:29  Atualizado: 22/08/2010 09:29
 Re: Acredito no Amor Verdadeiro
Li todo o teu texto emocionada. E nada conseguido dizer faço minhas as palavras da poetisa e amiga Liliana Jardim.

Espero que vivas um amor pleno e que na tua vida haja hoje e sempre um pouco mais de azul


Beijo azul