https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Deserto

 
Tags:  saudade    distância    segredo    pesadelo  
 
Branco poema de flores e sol
olhos de ver longe
tanto sonho e maresia
segredo que não sei
quando olho a lua cheia
pecado e pesadelo na erupção
da saudade.

Distância sem medida
ferindo a alma e o tempo
e a vontade talhada
na pele crua
quando a lágrima rola
na cascata da solidão.

Sei de tudo o que sinto
ainda que não sinta nada
mais do que abandono!

by Paulo César, em 10.Dez.2009, pelas 19h00


Escrever é uma forma de estar vivo!
Paulo César

 
Autor
PauloCésar
 
Texto
Data
Leituras
959
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
9 pontos
1
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
rosafogo
Publicado: 10/12/2009 21:12  Atualizado: 10/12/2009 21:12
Colaborador
Usuário desde: 28/07/2009
Localidade:
Mensagens: 9599
 Re: Deserto
Porque será que gosto tanto de te ler?
Agradável surpresa e bonito poema.

beijinho
rosa