Poemas -> Sombrios : 

MAS NÃO ME DIGAS!

 
Open in new window













Tanta coisa passou...nem sei!
Só tu podes dizer-me,
Se algum dia te amei,
O que me leva a esquecer-me?
Coisas nossas que nasceram
Deram forma ao nosso amor
Será que entretanto morreram?
Sou aranha... pendendo de dor.

Mas não te preocupes comigo
Um dia desvendo a verdade
Deste estar e não estar contigo
Deste agonizar de saudade.

A vida é rio em fim de curso
Amamo-nos de maneira estranha
Longo vai o percurso
Mas não me digas!
Que a saudade levo tamanha,
e as palavras são minhas inimigas.
O tempo nos gastou! Com sorte?
Há-de a neve em nós crescer
O Inverno a chuva trazer
A geada se quebrará em pedaços
E eu morrerei nos teus braços.

natalia nuno
rosafogo


Na plenitude da felicidade, cada dia é uma vida inteira.
Johann Wolfgang Von Goethe



 
Autor
rosafogo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
722
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
6 pontos
6
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
varenka
Publicado: 17/08/2011 16:10  Atualizado: 17/08/2011 16:10
Colaborador
Usuário desde: 10/12/2009
Localidade:
Mensagens: 4211
 Re: MAS NÃO MO DIGAS!
Tua poesia nos emociana!Bela demais!Mil beijos. Varenka


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 17/08/2011 16:51  Atualizado: 17/08/2011 16:51
 Re: MAS NÃO MO DIGAS!
E depois de intenso inverno morrer abraçada a ele... lindo isto! Gostei demais dos versos. Bj


Enviado por Tópico
JBMendes
Publicado: 17/08/2011 18:46  Atualizado: 17/08/2011 18:46
Colaborador
Usuário desde: 13/02/2010
Localidade:
Mensagens: 5222
 Re: MAS NÃO ME DIGAS!
Querida Rosafogo - Adorei seus versos onde destaco

"O Inverno a chuva trazer
A geada se quebrará em pedaços
E eu morrerei nos teus braços."

Lindo demais!
Um abraço afetuodoso

JBMends