https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Inverno da minha inquietação

 
Tags:  luz    céu    flores    labios    mistério    sentidos    pássaros  
 
INVERNO DA MINHA INQUIETAÇÃO

Eu gosto do Inverno cinzento
Do vento a roçar as vidraças
As tardes mornas do Outono, caem no esquecimento
E estremeço, no silêncio, lembrando quando me abraças.

Sonho já com a Primavera, céu azul
Que me trás o teu rosto, teus gestos
Virão flores e pássaros do Sul
E nossos sentidos ficarão despertos.
Beijarei teus olhos negros de carvão
A luz se apagará tocarás os seios
E os meus lábios tudo te dirão.
Amar-nos-emos sem hesitação nem rodeios
Assim termina nosso dia é já crepúsculo
E os nossos corpos se amando, adormecem!
E no mistério da noite um pássaro minúsculo
Canta uma melodia das que não se esquecem.

rosafogo


Na plenitude da felicidade, cada dia é uma vida inteira.
Johann Wolfgang Von Goethe



 
Autor
rosafogo
Autor
 
Texto
Data
Leituras
619
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.