https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

Quem...?

 
Quem...?

Quem faz nascer em mim a primavera
e o meu olhar todo florir em rosa?
Quem no meu peito faz poesia em prosa
e nos meus seios constrói ninhos de hera?

Quem semeia em mim campestres perfumes
e me cultiva, assim, terra orvalhada?
Quem me envolve, semente germinada,
no húmus, revolvida, sem queixumes?

Quem me faz fada verdinha e até
rodopiar bem na ponta do pé,
qual bailarina em clássico bailado?

Só tu, é o que me escreve o coração,
e teima que não há outra razão
que assim me faça campo cultivado.


Nita Ferreira

 
Autor
NitaFerreira
 
Texto
Data
Leituras
1005
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Lander Lobão
Publicado: 01/05/2012 17:44  Atualizado: 01/05/2012 17:44
Participativo
Usuário desde: 05/07/2007
Localidade: Almada
Mensagens: 24
 Re: Quem...?
Nitinha.Não há quem com tal mestria, requinte, terno cuidado, contigo a poesia, caminha de braço dado. E se verdade se diga, da alma que aqui te lê, grande é o mar de poesia, que da tua, a minha vê.Um beijo, bela Princesinha, com carinho e admiração.

Quem…?

Quem faz o sol nascer quando aparece
e o dia escurecer quando não vem?
Quem é que no meu peito é maior bem
e o coração, nunca se esquece?

Quem traz minha alma apaixonada
e o pensamento, pensar em escrever?
Quem me deixa com tal sede de beber
e corpo com fome insaciada?

Quem é que me faz voar de pés no chão,
que para mim, é a mais bela canção
o som de seu sorriso de menina?

Só tu, minha beleza, pele de luar,
que faz minha alma rir, sorrir, chorar,
minha bela e doce Princesinha

Herlânder Lobão

Enviado por Tópico
Affonso
Publicado: 01/05/2012 17:44  Atualizado: 01/05/2012 17:44
Colaborador
Usuário desde: 09/04/2011
Localidade:
Mensagens: 1144
 Re: Quem...? Nita Ferreira
Parabéns, poema muito sensível e bonito

lembrei do meu: Ah como eu queria...

Ah como eu queria
ter um poema
escrito por você
onde dissesse
mesmo sem ser poeta
que sente minha ausência
falaria em saudade
em querer me ver

http://www.luso-poemas.net/modules/news/article.php?storyid=219483

abraço, Affonso