https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Acordes feridos

 
Enquanto o mundo se mata,
Enquanto o mundo me mata,
Tenho a opção de aos poucos me perder
A cada acorde um prazer,a cada distorção um desejo
A guitarra grita porque não pode falar
Quantas lágrimas a guitarra ainda haverá de chorar?

Escorregando pelo sangue,
Daqueles que gritam e não são ouvidos,
Daqueles que choram,mas não são vistos
Pelos surdos e cegos são esquecidos

Governantes que nunca terão o poder,
De ter o prazer,de saber o porque é prazeroso
Por toda revolta em acordes,
Usando suas guitarras como instrumento de vingança
São os militantes que torturam a ignorância
A sombra que encobre a luz da ignorância

Eis o rock,
o milagre da maldição
Não existe viajem maior que essa
Ser capaz de ouvir a multidão gritando
Em nome da loucura,da sensatez,da euforia
E la se vai a onda do mp4 me escravizando outra vez...

 
Autor
neon
Autor
 
Texto
Data
Leituras
649
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Lápis
Publicado: 24/03/2013 14:56  Atualizado: 24/03/2013 14:56
Da casa!
Usuário desde: 27/04/2012
Localidade:
Mensagens: 289
 Re: Acordes feridos
Gosto disso, o som escorre onde bate...
(Abraços)
Lápis