https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

DAS IGNORÂNCIAS IGNORADAS

 
Ignoro o que adentra e adoro.
Fecho os olhos, canto.
No canto, apenas a voz,
a mão, a saia, a foz:
tudo antes que eu desmaia.

Um claro enigma, uma coisa absurda,
e eu sempre quase surda
para o que ainda anda dentro
e dentro de mim,
o avesso de mim,
sim,
sim.

Não.
Não.
Isso deve ter cheiro,
deve ter choro,
deve lamber o céu da boca,
deve ser eu louca,
deve ser.

De costas,
estou de frente.
De frente,
estou do lado de fora
e já fui embora,
e já fui para o limiar
que morre,
que vive
no fogo,
no jogo
do meu quase olhar.

Jogo a pele no chão,
a palavra no bolso,
o moço no porão.

De amor, só quero mesmo
a mais frágil recordação,
a mais tênue vontade
posto que tudo que durou,
ainda arde.


Karla Bardanza





Copyright © 2013 Karla Bardanza
 
Autor
Karla Bardanza
 
Texto
Data
Leituras
1058
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
21 pontos
5
0
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 26/08/2013 02:14  Atualizado: 26/08/2013 02:14
 Re: DAS IGNORÂNCIAS IGNORADAS
*incrível. um 'desconhecer-se' absolutamente conhecido no imo.
adoro ler-te.
beijoka*

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 26/08/2013 13:16  Atualizado: 26/08/2013 13:16
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9285
 Re: DAS IGNORÂNCIAS IGNORADAS
Bom dia Karla, seus versos narram uma personagem em luta pelo reconhecimento do óbvio, e relutando em ser aderente ao que lhe seja comum, em seu cotidiano, por tando lidando com a estranheza em tempo integral, um grande abraço, MJ.

Enviado por Tópico
sommerville
Publicado: 26/08/2013 13:29  Atualizado: 26/08/2013 13:29
Colaborador
Usuário desde: 21/08/2011
Localidade: Porto, Portugal
Mensagens: 1004
 Re: DAS IGNORÂNCIAS IGNORADAS
Muito bonito, Karla! Adorei ler-te. Pbs
Levo.Bjs

Enviado por Tópico
PROTEUS
Publicado: 26/08/2013 16:29  Atualizado: 26/08/2013 16:29
Colaborador
Usuário desde: 27/03/2010
Localidade:
Mensagens: 3647
 Re: DAS IGNORÂNCIAS IGNORADAS
Ainda estou aqui por causa das coisas lindas que se pode ler... Façamos poesia. A poesia pela poesia... Sensíveis somos. Sejamos humanos então.
Lindo poema Karla.

Enviado por Tópico
Betha Mendonça
Publicado: 26/08/2013 21:35  Atualizado: 26/08/2013 21:35
Colaborador
Usuário desde: 01/07/2009
Localidade:
Mensagens: 6741
 Re: DAS IGNORÂNCIAS IGNORADAS
Além do jogo de palavras
que faz os versos musicais
tem toda a gama de sentimentos
que arde dentro da gente
e a lembrança de um amor
tão e somente.
Levo pelo enlevo!
Bjs