https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Como transformar uma criança em um monstro!

 
Deixa de ser covarde menino
Desse tamanho com medo do escuro
Bicho papão não existe
Vai dormir senão te encho de murro

Toma esse dinheiro e vai comprar um cigarro
Vê se não gasta o troco com bala
Se você apanhar na rua
Leva outro couro quando chegar em casa

Bebe um pouco dessa pinga
Vamos ver se você é homem ou viado
Deus me livre criar um filho
Que me envergonhe por ser afeminado

Engole esse choro moleque
Pois chorar não é coisa de homem
Faça valer o que você tem na sua calça
Honre a família não me envergonhe

Ta vendo aquela mulher gostosa
Olha bem para a bunda dela e chama ela de gatinha
Vou te mostrar um filme pornô
Para depois você ir treinar com a vizinha

Quando você fizer 18 anos
Te darei um presente que você nunca irá esquecer
Vou te pagar uma puta na zona
Para ela te dar um trato e te ensinar a meter

Sua mulher tem que ser submissa
Ela te pertence e é sua propriedade
Bate nela se for preciso
Se ela se negar a satisfazer a suas vontades!

Poema dedicados aos milhares de monstros espalhados pelo Brasil que se intitulam pais!
Abraço coletivo
Samuel
25/01/2014



 
Autor
samuelk7
Autor
 
Texto
Data
Leituras
386
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.