https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

CAPITOSO

 
Tags:  SONETOS 2014  
 
CAPITOSO

Pouco sei da verdade que há no vinho,
Assim como de aromas e de amores...
Bebo-o, entanto, a despeito de senhores,
Cuja nobre taça ávida adivinho.

Prefiro degustá-lo enfim sozinho.
Pois, farto de censuras ou louvores,
Evitava dos grandes os favores,
Tanto quanto das belas o carinho.

Pode até parecer vã presunção,
Mas as marcas que sei no coração
Somente esse sanguíneo licor cura.

Entrementes, eu passo e cumprimento;
Entregue ao mais polido esquecimento
D’um líquido rubi posto em luz pura.

Betim - 17 09 2014


Ubi caritas est vera
Deus ibi est.


 
Autor
RicardoC
Autor
 
Texto
Data
Leituras
213
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
4 pontos
0
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.