Poemas -> Paixão : 

De alma aberta

 
No leito pulsa a emoção.
Luares deslizam na pele.

Acelera o movimento,
a pétala da nova flor,
na contramão
do vento.

Borbulha a vida...
descontrolo-me,
perco os sentidos.

Exalta-se um desejo:
manipular teus dedos.

No vento, ardem palavras.
Abre-se a alma e liberta-se
da agonia dos segredos.


A arte desenha almas nos olhos úmidos e secos; movimenta os mares nas telas, nos poemas e nas estrelas.

 
Autor
RaipoetaLonato2010
 
Texto
Data
Leituras
133
Favoritos
2
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
22 pontos
2
2
2
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Chou
Publicado: 18/02/2017 02:47  Atualizado: 18/02/2017 02:47
Da casa!
Usuário desde: 01/02/2017
Localidade:
Mensagens: 427
 Re: De alma aberta
Quando à alma se faz receptiva as alegrias da vida sem questionamentos por um bom tempo permanece em equilíbrio.

Enviado por Tópico
karinna*
Publicado: 19/02/2017 23:14  Atualizado: 19/02/2017 23:14
Da casa!
Usuário desde: 02/09/2016
Localidade: Rio Grande do Sul
Mensagens: 395
 Re: De alma aberta
*enluararam-se...
Genial!
Beijoka*