https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

E Como o Mar

 
Open in new window
E Como o Mar

Onde eu vou buscar as palavras
neste mar que me estremece
se é somente o que me resta
eu não tenho olhos de fogo
e não ouço as ondas funestas

Águas azuis nos teus lábios vermelhos
e estranha forma de sentir o amor
refletem em infinitos espelhos
o mar imenso e todo seu furor
o sentir da caça e do caçador

Os frágeis cristais que feitos de vento
reluzem mágicos na luz do luar
e roubam de mim o fremir do tempo
e das ondas que explodem beira mar

Existe no teu olhar todo um alento
que se reflete nas ondas do mar
e como o tempo é infinito e lento
eterniza esta sede do meu amar

Que eu seja como o mar e seu rugido
de ondas gigantescas a surfar no ar
e cair das ondas sem um alarido
sem nenhum sentido morrer no mar.

Alexandre Montalvan

 
Autor
montalvan
Autor
 
Texto
Data
Leituras
342
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
3 pontos
1
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 28/04/2019 19:58  Atualizado: 28/04/2019 19:58
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 15944
 Re: E Como o Mar
Poeta
Gostei imensamente do que li!
Essa imagem do mar em fúria é assustadora e encantadora ao mesmo tempo, assim como o amor. É uma imagem que já me inspirou em alguns poemas!
Parabéns!
Beijos!
Janna