https://www.poetris.com/
Poemas -> Amor : 

Gesto simples

 
Tags:  amor    sonho    reflexão    alegria  
 
No gesto simples do meu acordar
Nada mais me causa tamanha sensação
Acordei mas quero voltar a sonhar
E quero-te assim, sem motivo sem explicação

No gesto simples do meu sorrir
Em que uso o tablet de minha memória
Vejo o fogo que me andava a consumir
Parte de minha memória, não de minha história

No gesto simples do meu ser
Erros cometidos que gostava de apagar
Mas nunca é tarde para aprender
Assim como nunca é tarde para perdoar

No gesto simples de minha sagacidade
Não sou sagaz por maldade
Quando perdo-o, perdo-o de verdade
Afinal também tenho bondade

No gesto simples de minha bondade
Ás vezes ainda sinto necessidade de me proteger
Sou só um menino com 5 mais 20 anos de idade
Que anoitece quando devia alvorecer

No gesto simples de todos os meus invernos
Travei batalhas em meu interior
Julgo ter derrotado a maioria de meus infernos
Julgo ter-me tormado uma pessoa superior

No gesto simples de meu olhar
Já não sinto que sou menos nem mais
Egocentricidade mandei-a passear
Ninguém é mais nem menos, somos todos iguais

No gesto simples de toda a minha loucura
Senti que algo em mim 'tava a mudar
O coração abandonou tempos de amargura
No dia em que começou a amar!


MINHA POESIA MALDITA...
VEM DE MINHA ESCURIDÃO
E MINHA POESIA LUMINOSA
DE MINHA FONTE DE INSPIRAÇÃO

Peace & love
FidesinOculisMeis 2019®

 
Autor
FidesinOculisMeis
 
Texto
Data
Leituras
46
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.