https://www.poetris.com/
 
Textos : 

O Caso Isabella

 
Tags:  justica    indignação    crimes    Isabella    Nardoni  
 
Quando aquela fatalidade atingiu o João Hélio e sua família, ficamos estarrecidos diante de tamanha crueldade e desumanidade por parte daqueles homens, criminosos, frios, assassinos.
Não há como compreender tamanha falta de compaixão, misericórdia e bom senso, por parte de criaturas que aparentemente, fazem parte da raça humana. Digo aparentemente, porque externamente são semelhantes a nós, mas por dentro, a anomalia, o distúrbio de personalidade, a descaracterização como gente, é completa, total e irrestrita.
Agora, nos deparamos com um outro caso, semelhante e diferente, paradoxalmente. Semelhante ao caso do João Hélio, porque outro ato de violência foi cometido contra uma criança. Ao mesmo tempo diferente, porque não foi cometido por um grupo de desconhecidos, desfavorecidos pelas condições impostas pela desigualdade da sociedade. Ao que tudo indica, tendo em vista a investigação feita até agora pela polícia e diante dos fatos, os quais não podem ser refutados, violência essa cometida por pessoas próximas, pessoas que deveriam estar sim, zelando pela sua segurança e pelo seu bem-estar.
É claro, não falamos sobre os mais diversos casos que acontecem contra as crianças todos os dias, nos mais diversos pontos do país e do mundo, das mais diversas formas. Se formos analisar profundamente, o coração não aguenta. É dor demais. É desumanidade demais. É o fim, realmente.
Ainda resta uma esperança, esperança que repousa no interior daqueles que se indignam com tais casos e se levantam para dizer, basta! Chega! É hora de ser feita justiça, a despeito de qualquer coisa.
Segundo investigação policial, uma fibra encontrada na roupa do pai de Isabella pode ser da tela que foi cortada, pela qual a criança foi atirada. "Pode ser" é apenas uma suposição. Neste caso, o povo exige certezas, provas concretas.
Somos pais e mães conscientes, cientes do mundo em que vivemos, no qual já é uma benção quando nossos filhos saem e voltam em paz, em segurança.
Não podemos nos calar, nem aceitar que tal caso caia no esquecimento ou no marasmo.
Isabella tinha uma vida pela frente. Uma menina brilhante, com todo o direito a vida, direito esse que lhe foi tirado da pior forma.
Quantas Isabellas serão necessárias para que as leis sejam modificadas? Quantos casos como os do João Hélio, e outros tantos, poderão comover nossos governantes, provando que é hora, aliás, que passou da hora da tomada de uma atitude rigorosa em relação a determinados crimes?
Que a ida dessas crianças não tenha sido em vão e que em nossos corações não desfaleça a esperança de que a justiça será feita, se não pelos homens, por Deus, que não falha jamais.


Cláudia Banegas

 
Autor
Cláudia Banegas
 
Texto
Data
Leituras
1881
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
9 pontos
9
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
João Marino Delize
Publicado: 16/04/2008 14:59  Atualizado: 16/04/2008 14:59
Colaborador
Usuário desde: 29/01/2008
Localidade: Maringá-
Mensagens: 2778
 Re: O Caso Isabella
Cláudia,

Há uma diferença gritante entre os dois casos. No caso de João Hélio, foi um crime cometido por ladrões drogados que vieram de famílias excluídas
pela sociedade e já estão presos. No caso de Isabela, foi um crime cometido por pessoas da própria família, pertencente à classe média alta e, por isso não temos nenhuma certeza que pagarão pelo crime que em meu ver é muitas e muitas vezes mais terrível que o primeiro pelos fatos ocorridos e pela condição dos praticantes



Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 16/04/2008 15:32  Atualizado: 16/04/2008 15:34
 Re: O Caso Isabella
Cláudia,
Crimes, todos são bárbaros, são vidas ceifadas estupidamente. Mas crimes com crianças a fisgada no peito é mais forte. O que mais me deixa (palavrão), é a impunidade. Entendo-a.
Concordo com o poeta João Marino Delize em número, gênero e grau.
Pobre inocente solto é preso, assassino rico preso é solto.
Coi$as da nossa Ju$tiça.

1aBRaço.


Enviado por Tópico
Elis
Publicado: 16/04/2008 16:24  Atualizado: 16/04/2008 16:24
Novo Membro
Usuário desde: 16/04/2008
Localidade:
Mensagens: 1
 Re: O Caso Isabella
O autal caso Isabella (mais um!) somente faz-nos pensar que as Leis no nosso(?) País devem ser mudadas. A Polícia cumpre o seu papel, porém resvala no que concerne à Aplicação das Leis Jurídicas, e isso contribui para que fatos como o que temos assistido fiquem impunes. Paralelamente ao exame Anti-drogas realizado com "supostos incriminados" deveriam realizar Exame Psicológicos dos mesmos; até porquê, creio, assim cercearíamos "Habeas Corpus" feitos de maneira indiscriminada à quem quer que seja.
Lamentável!!!


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 16/04/2008 17:37  Atualizado: 16/04/2008 17:37
 Re: O Caso Isabella
Claúdia,

Infelizmente o Código Penal do Brasil é hoje ameno para a bandidagem.Os inúmeros recursos que podem ser impetrados, a anulação de julgamentos cuja pena ultrapasse trinta anos e outras "coisitas" mais são berço da impunidade.Guilherme de Pádua e Paula Tomás vivem tranqüilamente em liberdade após o crime bárbaro contra Daniela Perez.Um menor envolvido no caso João Hélio ficará apenas três anos na FEBEM.
A crueldade do que aconteceu com Isabella merece um resposta firme do poder público e punição a altura.O congresso TEM que fazer leis duras contra o crime que grassa impune nesse país.A sociedade civil há muito se manifesta exigindo que isso ocorra, mas aguardamos de mãos atadas, apenas na força do nosso grito que as pressões façam as autoridades constituídas cumprirem o seu dever.
Bjins meus, Betha.