https://www.poetris.com/
 
Prosas Poéticas : 

Alma gémea

 
Tags:  amor    alma  
 
A noite ruiu nos meus olhos e a escuridão entrou-me no coração.
Tantos seres procuram uma vida inteira a alma gémea, aquela que nos completa, nos transforma, que nos adivinha os gestos e os desejos mais íntimos. Há quem nunca a encontre, ou se canse de procurar. E há seres como tu que, a troco de uma integridade absoluta que existe apenas aos teus olhos, são cegos. Têm na palma da mão o que uns buscam sem cessar e mesmo assim sacodem e repudiam o que lhes poderia dar a felicidade plena.
Sempre estive aqui e nunca me viste. Sempre te amei e nunca quiseste conhecer o verdadeiro amor.
Beija-me! Beija-me docemente ou dá-me um beijo brutal… Vais sentir quem eu sou. Beija-me!
A noite ruiu nos meus olhos e perdi os sonhos. Perdi-os? Não… Afinal nunca os tive. Foram meras ilusões. Falsas, como é falso tudo o que sonhas que existe no teu mundo.
Quando virás? Não sei… Nem sei se estarei ainda aqui… Talvez tenhas ainda tanto para aprender que nesta vida será tarde. Tarde demais para nós dois.
A escuridão entrou-me no coração e já não sei se será capaz de acender a luz da alma.
 
Autor
Vera Sousa
 
Texto
Data
Leituras
1038
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
19 pontos
11
0
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Tânia Mara Camargo
Publicado: 11/10/2008 00:09  Atualizado: 11/10/2008 00:09
Colaborador
Usuário desde: 11/09/2007
Localidade:
Mensagens: 4263
 Re: Alma gémea
Triste, dorido e lindamente escrito,
adorei! Bjs

Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 11/10/2008 00:25  Atualizado: 11/10/2008 00:25
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 11186
 Re: Alma gémea
verinha,
nem que seja por um efêmero instante acabamos sempre por sentir a centelha do olhar da alma gémea e é quanto basta.
Ela vai chegar, amiga e tu vais reconhecê-la
Beijinhos
Nanda

Enviado por Tópico
fogomaduro
Publicado: 11/10/2008 00:46  Atualizado: 11/10/2008 00:46
Colaborador
Usuário desde: 06/08/2008
Localidade:
Mensagens: 1478
 Re: Alma gémea
«Fiat lux!»

Belo,

DM

Enviado por Tópico
vandapaz
Publicado: 11/10/2008 07:52  Atualizado: 11/10/2008 07:52
Colaborador
Usuário desde: 22/11/2006
Localidade: Lisboa
Mensagens: 572
 Re: Alma gémea
Texto de uma intensidade a que nos tens habituado, muito bonito

Será mesmo a tua alma gémea, não te enganaste?

Beijo

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 11/10/2008 13:49  Atualizado: 11/10/2008 13:49
 Re: Alma gémea
Quem não procura, quem não quer se sentir assim, amado. Tua prosa poética se divide em dois: Primeiro, na ânsia de um querer que todos desejam, a transfiguração do sonho numa possivel realidade e a segunda que é constatação de que tudo não passou de uma frustração, um devaneio amoroso.

Parabéns minha querida escritora Vera,

Beijos e saudações de Godi.

Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 11/10/2008 16:41  Atualizado: 11/10/2008 16:41
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: Alma gémea
Este texto,Vera, é tão dorido quanto belo.
Sabes? Como descrever aquele arrepio que nos passa ela espinha quando lemos alguém? Não sei...!
Foi o que senti ao ler-te...
Beijinho e bom fim de semana!
Vóny Ferreira

Enviado por Tópico
Gleidston
Publicado: 12/10/2008 02:20  Atualizado: 12/10/2008 02:20
Da casa!
Usuário desde: 12/05/2008
Localidade: Barreiro
Mensagens: 272
 Re: Alma gémea
Maravilhoso texto lí e reli,parabéns.
big bjs!!!

Enviado por Tópico
Carla Ribeiro
Publicado: 12/10/2008 14:54  Atualizado: 12/10/2008 14:54
Super Participativo
Usuário desde: 04/06/2007
Localidade: Resende/Vila Real
Mensagens: 128
 Re: Alma gémea
Lindíssimo, Vera... Também na tristeza se esconde a luz da palavra... E esta prosa é a prova!

Enviado por Tópico
JorgeLuizAlves
Publicado: 13/10/2008 11:51  Atualizado: 13/10/2008 11:51
Novo Membro
Usuário desde: 28/09/2008
Localidade:
Mensagens: 6
 Re: Alma gémea
Enquanto o amor jorrar tão belas palavras de teu coração em estertores de esperança, serás sempre bem abastecida na alma - e a luz jamais se apagará com tão sublime fluido de vida! Um abraço do Jorge.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/10/2008 23:29  Atualizado: 14/10/2008 23:29
 Re: Alma gémea
Magnifico texto! Magistralmente bem escrito. Triste e sofrido mas muito bonito.
Nunca é tarde amiga! há sempre algures uma janela que se abre!
Beijo azul...Sempre!

Enviado por Tópico
juvepp
Publicado: 16/10/2008 21:02  Atualizado: 16/10/2008 21:02
Colaborador
Usuário desde: 13/04/2007
Localidade: Machico - Madeira
Mensagens: 547
 Re: Alma gémea
OLá Vera,
A tua prosa poética desnuda um eu magoado por ter encontrado a sua "alma gémea" mas não reconhecida pela outra como tal. Mas virá o dia em que a "escuridão" dará lugar à "luz" e as almas novamente se fundem numa só.