https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Surrealistas : 

Solidão

 
A solidão, a tristeza
ao cair do entardecer
cinzas sombras de nuvens
sobre verdejantes colinas
partindo de rostos fantásticos
como vozes há muito perdidas
pelas montanhas,
alguém que se afogou
e se perdeu
submergindo dum mar imenso
desolado e impiedoso
como algém
que nada num sonho ...

E assim voltando-me
para de novo ver
para onde o tempo fôra ...

E assim, tudo encontrando
soube
que tudo se perdera ...

A.Sobral

 
Autor
ASobral
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1521
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.