https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Amor : 

Ficava olhando

 
Ficava olhando
Nascendo nesse olhar
De mar encanto
De olhos vivos
De azul tanto
Vasto, por olhos tão
Tranquilos, nesses
Estes, os meus
No teu olhar
Ficavam olhando
Encandeados nesse ficar
Suspira tempo
E que morram teus
Em olhares nossos
Estes que ficam
Sem momento
Sem lugar
Nos teus
Nascendo nesse olhar
De mar encanto
De olhos vivos
De azul tanto


«Antes teor que teorema, vê lá se além de poeta és tu poema»

Agostinho da Silva

 
Autor
bruno.filipe
 
Texto
Data
Leituras
611
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.