https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Dedicatória : 

Homenagem carinhosa...

 
Tags:  Família...  
 



Mas que saudades de minhas avós,
Faziam deliciosos guisados com jilós,
Era uma farra quando lá a gente ia,
Ríamos atoa num ambiente de alegria...

Bons tempos felizes já não são reais,
Pois doentinhas elas estão tão iguais,
Uma foi o derrame que quase levou,
A Outra é mesmo a idade que chegou...

Minhas avós por mim tão amadas,
Já não são mais tão animadas,
O Forrózinho que me ensinaram,
Do mesmo já se aposentaram...

Mas era tão bom cantar,
Junto com elas dançar...
O forró moda de viola,
Que o coração consola...

Mas com essa poesia,
Quero falar da alegria,
Que tenho no coração,
Pelas guerreiras que são...

Minha amada avó Joaquina,
Que me criou até menina,
Minha amada avó Geralda,
Tratava-me como esmeralda...

Avó Materna,
Avó Paterna,
Que cuidaram de mim,
Com Carinhos sem fim...

Dos meus Avôs quase eu não falo,
Sem muito a dizer, quase me calo,
Do avô João, o que poderei dizer,
Se ele morreu antes de eu nascer...

Meu vô Francisco era muito levado,
Era boêmio, farrista e complicado,
Com esse avô quase não convivi,
Pois em tão poucas vezes o vi...

Minha origem vem dos avôs e avós,
Que em nosso sangue fazem nós,
Índios, italianos e portugueses,
Negros e até alguns franceses...

Somos uma mistura de raças,
Todos reunidos nas praças,
Felizes somos com as heranças,
Que são ensinadas as crianças...

Minha família é demais preciosa,
Composta por gente honrosa...
Que nunca desistiu de lutar,
Com os quais sempre pude contar...


Simone Moreira

 
Autor
sissinha
Autor
 
Texto
Data
Leituras
840
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 29/02/2012 02:16  Atualizado: 29/02/2012 02:16
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29310
 Re: Homenagem carinhosa...
UMA ESPLENDIDA HOMENAGEM, QUE ENCANTO

MARTISNS