https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Sorrir com uma lágrima

 
Sorrir com uma lágrima,
Quantas vezes, isto aconteceu-te?
Será que dá para imaginar?
Não, só vale a pena sepultar!
.
Sorrir com uma lágrima,
Quantas vezes?
Quantas vezes?
E na tua vida quantas vezes tentas-te uma rima?
Que não rimou com a tua vida?
.
O sorriso será sempre mais forte que a lágrima,
Porque sorrir seca qualquer lágrima,
Mas por detrás do sorriso só vai existir uma lágrima seca,
Seca, que o belo sorriso, secou.
.
E a escuridão que ninguém vê? Quem pinta, coração?
Quem pinta esse negro das mais belas cores existentes?
Lembra-te, quem pinta é o sorriso, da tua convicção!
.
Ana Carina Osório Relvas/A.C.O.R


A felicidade são pequenos sorrisos de determinados momentos
Ana Carina Osório Relvas/acor

https://acor13.blogspot.com/



 
Autor
A.C.O.R
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1141
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
8 pontos
6
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 25/05/2014 22:26  Atualizado: 25/05/2014 22:26
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29356
 Re: Sorrir com uma lágrima
O sorriso é a tinta onde reflete as cores de nosso ser. Uma maravilha de poema, linda poestisa


Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 25/05/2014 23:25  Atualizado: 25/05/2014 23:25
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 12514
 Re: Sorrir com uma lágrima P/A.C.O.R.
A lágrima lembra o mar
o sorriso um raio de sol
parece que se dão bem
quando é de felicidade
sonata bela, em lá bemol!

Gostei muito. Com afecto, Vólena


Enviado por Tópico
agniceu
Publicado: 28/05/2014 20:01  Atualizado: 28/05/2014 20:01
Da casa!
Usuário desde: 08/07/2010
Localidade:
Mensagens: 272
 Re: Sorrir com uma lágrima
Mais um poema de uma fluidez autêntica a transbordar de emoção!

Não é por acaso que a considero a melhor poetisa do luso…
Ao lermos seus testemunhos, percebemos, que a linguagem da alma é traduzida de forma nítida em cada palavra …

E a pintura é maravilhosa!

Um abraço e por favor não fique muito tempo sem escrever, seria um pecado a ausência da sua sensibilidade, uma espécie de quadro sem essência …

Um abraço.

E se me permite, esta sua brilhante poesia me fez escrever este poema :

Open in new window



Dois lados da lua, não podem sorrir ao mesmo tempo…


As palavras vestem a noite sem estrelas,
E a alma fica muda na sua oculta dança …
Até mesmo o sorriso,
Fica tremido e se desfaz no silêncio de um lugar ….
Lugar onde as lágrimas
Conservam a intimidade
Dos vazios,
Das metades
Dos olhares …

Mas vale a pena, perguntar-te:
Quantas vezes as lágrimas se esconde nos bastidores dos sorrisos sem evaporar os dilúvios de dor?
Quantas vezes o céu se ilumina mesmo chorando?
Quantas vezes o chão fica escurecendo e os sorrisos servem de apego aos caminhantes?

Talvez esteja errado, mas sinto que alma veste um sorriso, para receber os dias, para agradecer o sol … no entanto quando está só e se despe, fica o sal amontoado nos seus afluentes.
Ou então, transborda o mar, sem conjugar a saudade e os sentimentos … nos sossegos arenosos de uma ampulheta chamada amor …