https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

Sob as estrelas de Xerém

 
Tags:  amor    sentimento    estrelas    confissão    Xerém  
 

O que vejo?
Não são simples focos de luz...
Ou meros corpos celestes
Vejo amor
Sinto o infinito
Lantejoulas de paixão
Gesto majestoso e sublime
De um ser superior
No ato da criação
Olhar estrelas apraz-me a alma
Inundando-me de paz
E de um amor visceral
Torna a escrita suave
E tênue...
Sob o céu estrelado de Xerém
Deixei-me levar e conquistar
E ouso na madrugada
Poetizar...
Lágrimas
Amores
Desamores
Paixão
E a tentar descrever saudade com certa tenacidade
Ah...
É este céu que me encanta
Que faz com que minha alma valse poética
No labirinto dos meus sentimentos
Em Xerém, o céu me acolheu
E mostrou-me exatamente para que nasci
E mesmo que o céu esteja tempestuoso
Saber que elas estão lá me conforta...
Pode soar estranho...
Mas preciso de uma pontinha de céu na fresta da janela
Para que eu possa escrever.


Alessandra Benete

Alessandra Benete
 
Autor
alessandrabenete
 
Texto
Data
Leituras
966
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
11 pontos
8
2
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 13/06/2014 22:32  Atualizado: 13/06/2014 22:32
 Re: Sob as estrelas de Xerém
Lágrimas da madrugada que a saudade não contem uma alma, valse os sentimento do amor que esta nos olhos.

uma maravilha de poema

Enviado por Tópico
Robertojun
Publicado: 13/06/2014 22:42  Atualizado: 13/06/2014 22:42
Colaborador
Usuário desde: 31/01/2014
Localidade: São Paulo
Mensagens: 2188
 Re: Sob as estrelas de Xerém
Olá, Alessandra!

Belo poema.
Adorei ter lido.

Parabéns!

Abraço,
Roberto Jun

Enviado por Tópico
Robertojun
Publicado: 13/06/2014 22:42  Atualizado: 13/06/2014 22:42
Colaborador
Usuário desde: 31/01/2014
Localidade: São Paulo
Mensagens: 2188
 Re: Sob as estrelas de Xerém
Olá, Alessandra!

Belo poema.
Adorei ter lido.

Parabéns!

Abraço,
Roberto Jun

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 14/06/2014 14:13  Atualizado: 14/06/2014 14:13
 Re: Sob as estrelas de Xerém
O céu e seu esplendor fascinante para os olhos obra prima do criador.
Lucas Moreno


Enviado por Tópico
saraabreu
Publicado: 15/06/2014 20:29  Atualizado: 15/06/2014 20:30
Colaborador
Usuário desde: 25/05/2014
Localidade:
Mensagens: 2423
 Re: Sob as estrelas de Xerém
No mundo das estrelas Alessandra, por isso acredito também que:

"Pode soar estranho...
Mas preciso de uma pontinha de céu na fresta da janela
Para que eu possa escrever."

E ainda acrescento se me permite: é esse céu que me alimenta nas horas mais decadentes da vida...

Abraço
Luzia


Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 15/06/2014 22:30  Atualizado: 15/06/2014 22:30
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 12514
 Re: Sob as estrelas de Xerém P/alessandrabenete
O Céu estrelado é a porta aberta para o Paraíso, por isso o nosso sentimento é mais profundo e antevê-se a pureza nem que seja só por uma pequena fresta. Por isso o seu poema é tão lindo. Parabéns. Vólena