https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

No fim

 
Tags:  poema    saudade    palavras  
 
e se o tempo puxar o zíper para me renunciar
e se nada mais
nos meus olhos
se refletir
o silencio será meu mundo
mas minhas palavras permanecerão no teu
naquela janela
naquele cais
naquela tarde amarela
naqueles rios
naqueles ais
naquela renda de crochê
naqueles poemas que te
escrevi
sem que soubesses que eram para ti
sem muito sentido
sem muita verdade
que de verdade foram escritos
num tempo de
muita saudade.


O que, às paredes, confesso.

 
Autor
MarySSantos
 
Texto
Data
Leituras
630
Favoritos
3
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
61 pontos
15
11
3
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Poeta.sem.Alma
Publicado: 04/06/2015 20:16  Atualizado: 04/06/2015 20:16
Colaborador
Usuário desde: 24/05/2015
Localidade: Lisboa
Mensagens: 582
 Re: No fim
Sem muito sentido e sem muita verdade, porque a saudade é vilmente enganadora.
Gosto do teu poema.
Abraço.
Pedro

Open in new window


Enviado por Tópico
ALFA
Publicado: 04/06/2015 21:07  Atualizado: 04/06/2015 21:07
Colaborador
Usuário desde: 14/04/2015
Localidade:
Mensagens: 880
 Re: No fim
Nem tudo que reluz, é ouro. Nem tudo que parece, é. Quantas vezes aquilo que parece não ter chegado ao seu destino, chegou mesmo! E o que parece no fim pode ser o começo de um novo princípio!

…Porque a cada segundo a vida se renova. E a saudade é parte intrínseca da vida!

Beijo


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 04/06/2015 22:09  Atualizado: 04/06/2015 23:35
 Re: No fim
Puro encanto, Mary!
Adorável leitura.

Abraços de sua fã

Leonor


Enviado por Tópico
karolis.br@sapo.pt
Publicado: 04/06/2015 23:27  Atualizado: 05/06/2015 18:22
Da casa!
Usuário desde: 17/04/2010
Localidade: Cascais. Portugal.
Mensagens: 368
 Re: No fim
O que o poema reza, não falha nada. Eu tenho precisamente essa ideia em minha mente. Tenho imensas saudades! Até do próprio futuro! Vá-se lá entender uma coisa destas. Meu Deus... que poema lindíssimo!!

Obrigado por preencher a minha noite com esse poema apaixonante!

Carlos Barreto.

Beijos


Enviado por Tópico
Jmattos
Publicado: 05/06/2015 01:15  Atualizado: 05/06/2015 01:15
Colaborador
Usuário desde: 03/09/2012
Localidade:
Mensagens: 16212
 Re: No fim
Mary
No fim uma linda confissão! Adorei!
Beijos!
Janna


Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 05/06/2015 03:25  Atualizado: 05/06/2015 03:25
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29310
 Re: No fim
Um silêncio que vem de um universo que o amor acontece naquele lindos sentidos, uma saudade das essências, que os corpos se abraçavam numa intensa paixão.

um poema vibrante, envolvente


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 06/06/2015 17:03  Atualizado: 06/06/2015 17:03
 Re: No fim
*como de costume, entro no site e te procuro...minha alma sabe que vai deleitar-se com a riqueza da tua escrita, riqueza de sentidos, sentimentos e forma.
definitivamente sou tua fã!
beijoka*


Enviado por Tópico
MaryFioratti
Publicado: 02/07/2017 12:31  Atualizado: 02/07/2017 12:31
Colaborador
Usuário desde: 09/02/2014
Localidade:
Mensagens: 2400
 Re: No fim
Uma renda perfeita de lembrancas.
Lindo!

Beijos
*Mary Fioratti*