https://www.poetris.com/
Poemas : 

Dotes duma flor que há em mim

 
Open in new window

Sou uma flor,
Uma pétala,
Uma estrela;
Desarrumo dor

Nos corações magoados,
Nos olhares aflitos,
E com olhos fitos
Na paz, liberto desejos negados.

Tenho brilho da lua sorridente,
Alumio sorrisos perdidos
Nos lares sofridos;
Sem pedir luz ao sol poente.

Sou o luzir dos pirilampos,
Solto sorrisos no rosto das crianças,
E faço da felicidade, o eixo da esperança,
Onde meu brilho anima almas e campos.

Adelino Gomes-nhaca


Adelino Gomes

 
Autor
Upanhaca
Autor
 
Texto
Data
Leituras
192
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
23 pontos
9
3
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Carii
Publicado: 12/01/2018 15:43  Atualizado: 12/01/2018 15:43
Super Participativo
Usuário desde: 28/11/2017
Localidade:
Mensagens: 162
 Re: Dotes duma flor que há em mim
Gosto de sentir a sua sensibilidade descrita em poesia. Muito bonito!


Enviado por Tópico
Sebastião-Nascimento
Publicado: 12/01/2018 18:08  Atualizado: 12/01/2018 18:08
Muito Participativo
Usuário desde: 09/01/2018
Localidade: João Pessoa, Paraíba
Mensagens: 90
 Re: Dotes duma flor que há em mim
Chamar-se de flor é algo inusitado, mas acho que faz parte. Estas coisas mostram o quão irreverente (à padronização do "eu", que somente demonstra pobreza poética) é o cara que se transfigura e consegue se desligar completamente de sua identidade. Isto é apenas uma passagem, mas acredito que não faz mal intensificar este tipo de coisa, um conselho amigo.


Enviado por Tópico
Volena
Publicado: 13/01/2018 11:45  Atualizado: 13/01/2018 11:45
Colaborador
Usuário desde: 10/10/2012
Localidade:
Mensagens: 10951
 Re: Dotes duma flor que há em mim P/Upanhaca
Adorei, as flores são carícias de Deus, só olhá-las traz felicidade e alegria, são sempre a minha companhia, favorito e abraço forte, parabéns! Vó


Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 13/01/2018 17:47  Atualizado: 13/01/2018 17:47
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 11121
 Re: Dotes duma flor que há em mim
Adelino,

É bom sentir essa leveza de alma, quando os olhos transparecem o brilho da alegria da alma.
Nanda