https://www.poetris.com/
Sonetos : 

PLEONÁSTICO n°2

 
Tags:  SONETOS 2018  
 
PLEONÁSTICO n°2

Encarasse de frente, não soslaio...
Talvez, olhos nos olhos, ver e olhar
Quanta esperança ainda têm lugar
N'um brilho me luzindo verde-gaio.

Verdadeira verdade em que recaio
Cada vez que se perde o meu olhar
Ao me levar além de ser e estar...
Se no oceano de ti enfim me espraio!

Sou duas vezes mais eu quando te amo
E me refiro a mim somente O TEU
Ao te ultimar as cartas onde o exclamo.

Decerto, n'um papel que s'escreveu
A poesia dir-me-á como me chamo
Ao te dizer, amante, quem sou eu.

Betim - 30 06 2018


Ubi caritas est vera
Deus ibi est.


 
Autor
RicardoC
Autor
 
Texto
Data
Leituras
45
Favoritos
1
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
10 pontos
0
1
1
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.