https://www.poetris.com/
Sonetos : 

ANTISSOCIÁVEL

 
Tags:  SONETOS 2020  
 
ANTISSOCIÁVEL

Não foi uma nem duas vezes qu'eu,
Devastado por desgostos desmedidos,
Afastei-me de muitos conhecidos,
E mesmo de quem mal me conheceu...

Concedo ser algum defeito meu
Isto d'eu evitar rostos perdidos
E seus nomes há tempos esquecidos
Sem que saiba sequer o que sucedeu.

Caminho enmimesmado e solitário
Sem esperar reencontros, ao contrário:
Temendo que me chamem sem motivo.

Pois de tanto exigir-me a companhia,
Eu deixo os outros sós, dia após dia,
Bem satisfeito já de como vivo.

Belo Horizonte - 26 01 2020



Ubi caritas est vera
Deus ibi est.


 
Autor
RicardoC
Autor
 
Texto
Data
Leituras
126
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
5 pontos
3
1
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 27/01/2020 12:27  Atualizado: 27/01/2020 12:27
 Re: ANTISSOCIÁVEL
à excepção do Fernando Pessoa o pior escritor de todos os tempos, diria que o verdadeiro artista de alguma forma é anti-social uma vez que a arte deve ser criada livre da mediocridade do lugar-comum.
uma boa tarde


Enviado por Tópico
Namas-tibet
Publicado: 27/01/2020 16:09  Atualizado: 27/01/2020 16:09
Colaborador
Usuário desde: 17/07/2018
Localidade: Azeitão/Setúbal, Portugal
Mensagens: 1102
 Indie-Sociáveis
Open in new window