https://www.poetris.com/
 
Sonetos : 

“Saudades de um cata-vento” - Soneto

 
Tags:  vida    saudade    sonho    tempo    magia    palavra    presente  
 
“Saudades de um cata-vento” - Soneto

É para o desconhecido, que a vida caminha
Bebendo nostalgia ouço o eco dos passos
Silente vou noite adentro, ferida só minha
A fluência das horas seguem mesmo compasso

Néscios sonhos fortalecem esse faz-de-conta
Sob a refutação dessa saudade dorida
Presente selado de lembranças sem conta
Trazem o choro brando, no manancial da vida

Guardo dentro, sentidos melancólicos, confusos
Que o tempo, faz vir a tona, algoz e oponente
A tais sentimentos digo amem, selo o presente.

Calam-se as palavras, diante dos sonhos obtusos
Densas lágrimas eternizam o discurso cinzento
Magia que se refaz nas memórias de um cata-vento.

Glória Salles
07 dezembro 2008
18:29 hrs
Open in new window


Glória Salles


NOTA: Passando para agradecer aos tantos amigos, que com tamanha gentileza e carinho, seguram minha mão, oram pelo meu pai,e estão comigo nesses momentos difíceis.
A expectativa, as perspectivas são grandes...
Mas a fé também o é.
Não sabem o quanto é importante e vital, sentir vosso carinho nesse momento...
Perdoem a ausência...
Um dia cheio de boas surpresas.

beijo no coração.

 
Autor
GlóriaSalles
 
Texto
Data
Leituras
3534
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
18 pontos
18
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 15/12/2008 14:57  Atualizado: 15/12/2008 14:57
 Re: “Saudades de um cata-vento” - Soneto
é só ter um vento que um catavento se move, assim é nossa vida, deixemos ela seguir conforme os ventos nos levem, esta escrito que para todos existe apenas um único destino. amei teu soneto. bj


Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 15/12/2008 15:43  Atualizado: 15/12/2008 15:43
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 11186
 Re: “Saudades de um cata-vento” - Soneto
Glorinha,
A nossa alma é como um cata-vento que tudo capta.
A tua carrega, neste momento, muito sofrimento, mas Deus é grande e é pai e vai ajudar-te a ultrapassar.
Que a sua luz chegue junto de teu pai e o traga de novo à vida.
Um beijinho no coração
Open in new window
Nanda


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 15/12/2008 15:43  Atualizado: 15/12/2008 15:43
 Re: “Saudades de um cata-vento” - Soneto
Soneto ventado a memórias.

Que bons ventos te acolhem.

Abraço.


Enviado por Tópico
VónyFerreira
Publicado: 15/12/2008 15:47  Atualizado: 15/12/2008 15:47
Membro de honra
Usuário desde: 14/05/2008
Localidade: Leiria
Mensagens: 9702
 Re: “Saudades de um cata-vento” - Soneto
Este bonito poema já o conheço do teu blog.
Dá notícias (miúda) se não me queres ver zangada contigo!

Tenho saudades tuas!
Beijo
Vóny Ferreira


Enviado por Tópico
AnaCoelho
Publicado: 15/12/2008 18:57  Atualizado: 15/12/2008 18:57
Colaborador
Usuário desde: 09/05/2008
Localidade: Carregado-Alenquer
Mensagens: 12081
 Re: “Saudades de um cata-vento” - Soneto
Gloria
Um poema com muita nostalgia, num rodopiar que é a vida, mas extremamente belo como só tu sabes fazer.

Beijos e muita força


Enviado por Tópico
Gothicum
Publicado: 15/12/2008 22:26  Atualizado: 15/12/2008 22:26
Da casa!
Usuário desde: 21/09/2008
Localidade: Galáxia de Andrômeda
Mensagens: 427
 Re: “Saudades de um cata-vento” - Soneto
"Assim como as pedras preciosas são tiradas da terra, a virtude surge dos bons atos e a sabedoria nasce da mente pura e tranqüila. Para se andar com segurança, nos labirintos da vida humana, é necessário que se tenham como guias a luz da sabedoria e virtude."
(Sakyamuni)

Tudo de bom.Abraços.


Enviado por Tópico
gil de olive
Publicado: 16/12/2008 16:14  Atualizado: 16/12/2008 16:14
Colaborador
Usuário desde: 03/11/2007
Localidade: Campos do Jordão SP BR
Mensagens: 5046
 Re: “Saudades de um cata-vento” - Soneto
Mais uma classificada como impecável!


Enviado por Tópico
Fhatima
Publicado: 17/12/2008 00:19  Atualizado: 17/12/2008 00:19
Colaborador
Usuário desde: 12/02/2008
Localidade: Joinville - SC
Mensagens: 3386
 Re: “Saudades de um cata-vento” - Soneto
Olá Glária!

Tua poesia encanta e mostra o quanto és sensível e nos teus sentimentos mostras a tua alma singela, bela e mágica!
Saudades muitas de ti!

Beijinhos no coração!

Fhatima


Enviado por Tópico
Norberto Lopes
Publicado: 18/12/2008 03:28  Atualizado: 18/12/2008 03:28
Colaborador
Usuário desde: 15/03/2008
Localidade: Lisboa
Mensagens: 970
 Re: “Saudades de um cata-vento” - Soneto
Seja qual for o momento, a Glorinha é um portento!... que linda que ela fica nos seus versos!
E eu, estou com ela, sempre solidário

beijo
nl