https://www.poetris.com/

 
(1) 2 3 4 ... 22 »
Offline
RoqueSilveira
Agora, agora.
Agora, agora - onde estás tu? Quando nasces de novo Para que viva e respire, Para onde foi o meu ...
Enviado por RoqueSilveira
em 07/08/2022 17:25:31
Offline
RoqueSilveira
pescadora de estrelas
está frio no cais que hoje é de partida já longe, por entre a bruma do mar um navio parece adorm...
Enviado por RoqueSilveira
em 23/07/2022 09:21:41
Offline
RoqueSilveira
tu bates bem?
Tu bates bem? Por vezes o silêncio aperta e desperta uma palavra ou outra no papel mudo, sem cora...
Enviado por RoqueSilveira
em 14/07/2022 07:15:44
Offline
RoqueSilveira
vaidade
A rã coaxa aos ventos lá do fundo e do alto de uma pedra se excita pensa em várias rotações ao mu...
Enviado por RoqueSilveira
em 14/07/2022 07:07:34
Offline
RoqueSilveira
romã
romã é o gosto do beijo que adivinho em tua boca na minha ao abandono nascem-me do peito mares de...
Enviado por RoqueSilveira
em 14/07/2022 07:03:09
Offline
RoqueSilveira
Com papéis nos cabelos
A noite de inverno vai chegando A meus olhos Com cheiro pobre de Natal nas avenidas. A neve entr...
Enviado por RoqueSilveira
em 05/12/2021 20:56:59
Offline
RoqueSilveira
algo sempre me acompanha
algo sempre me acompanha por muito que ande, nunca vou só não importa que corra ou que descanse ...
Enviado por RoqueSilveira
em 13/11/2021 19:26:29
Offline
RoqueSilveira
coisa rara
entre o teu riso franco (coisa rara) e o meu sorriso há ainda uma loucura útil que lava a pele d...
Enviado por RoqueSilveira
em 29/05/2021 16:19:30
Offline
RoqueSilveira
Nas nuvens
de novo, cúmplices o silêncio doce beija a morna solidão enquanto a minha última palavra (grata à...
Enviado por RoqueSilveira
em 20/05/2021 19:03:08
Offline
RoqueSilveira
fecha a matraca - não fecho
como é possível este tormento sem conseguir dizê-lo aos 4 ventos os lábios foram-lhe cosidos com...
Enviado por RoqueSilveira
em 18/04/2021 10:43:29
Offline
RoqueSilveira
Burro aprendiz
pensas que sabes tudo porque ousas ler e algo te amanha naquilo que com virtude afinco, orgulho e...
Enviado por RoqueSilveira
em 16/04/2021 19:13:00
Offline
RoqueSilveira
o som do silêncio
nesta clausura observo o som do silêncio. lá fora a calçada adormecida corre à igreja fechada on...
Enviado por RoqueSilveira
em 06/02/2021 12:12:49
Offline
RoqueSilveira
Há algo de (e)terno nisto
Quando te sonho promessa és princípio, caminho que mata a minha sede, sinto a proximidade dos láb...
Enviado por RoqueSilveira
em 13/12/2020 17:25:00
Offline
RoqueSilveira
o milagre da flor
tão perto do fim do mundo queria ainda provar o milagre da flor. no ar um grito abafaria o céu e...
Enviado por RoqueSilveira
em 11/12/2020 10:07:08
Offline
RoqueSilveira
estranho contrato
na minha boca um sem sabor antigo do mundo antes da tua chegada antes, as coisas todas bocejavam...
Enviado por RoqueSilveira
em 30/11/2020 22:19:59
Offline
RoqueSilveira
A vida segue dentro de momentos.
pus a roupa, o disfarce, a máscara a secar enquanto na tv se lavava a roupa suja das estrelas mud...
Enviado por RoqueSilveira
em 01/11/2020 17:25:46
Offline
RoqueSilveira
eu era Verão; eu não sabia
eu era Verão. eu não sabia deixei escoar o sol por entre as sombras do que pensava ser eternidade...
Enviado por RoqueSilveira
em 01/11/2020 11:50:34
Offline
RoqueSilveira
carimbo devolvido
o céu não tinha estrelas (nunca tem estrelas entre nós) no ar uma distracção algo dorida o seu s...
Enviado por RoqueSilveira
em 25/09/2020 09:05:14
Offline
RoqueSilveira
aqua
água, inodora e sem sabor misteriosa condição tão idêntica ao amor água, bela única e vital sonh...
Enviado por RoqueSilveira
em 23/05/2020 13:59:19
Offline
RoqueSilveira
margaridas brancas
hoje a chuva entristeceu o céu não consigo sequer olhar a paisagem não há como traduzir o homem e...
Enviado por RoqueSilveira
em 17/05/2020 06:24:39
(1) 2 3 4 ... 22 »