https://www.poetris.com/

 
(1) 2 »
Offline
AngeloP
Despertador
Nos últimos dois anos, o meu despertador Toca, invariavelmente, às seis. Antes disso, queixava-m...
Enviado por AngeloP
em 19/12/2010 00:54:20
Offline
AngeloP
Percepção
Para mim, o Mundo é um mistério! Quanto mais rezo, menos tenho. Quão mais recto, menos retribui a...
Enviado por AngeloP
em 14/12/2010 00:42:19
Offline
AngeloP
O Outro Fim
Deveríamos poder escolher uma fase das nossas vidas E apagá-la do livro da história. Não tanto pe...
Enviado por AngeloP
em 09/09/2010 00:54:21
Offline
AngeloP
A Fuga da Felicidade
Sinto-me como um pedinte Que esmola qualquer coisa à vida. Como se ela tivesse obrigação De cuida...
Enviado por AngeloP
em 05/08/2010 00:50:31
Offline
AngeloP
Espírito do amor!
Em mim, o espírito do amor Habita mais que puro, mais que tudo. Espírito "calado", quas...
Enviado por AngeloP
em 02/08/2010 20:58:51
Offline
AngeloP
Lembras-te?
Lembras-te da magia De uma manhã em que o frio Gelava o nascer do dia? Um silêncio encheu de bri...
Enviado por AngeloP
em 02/08/2010 20:36:38
Offline
AngeloP
Porque não pode ser de outra forma!
Desprezo-te, porque não pode ser de outra forma! Porque há valores de que não prescindo, Mais for...
Enviado por AngeloP
em 02/08/2010 01:35:37
Offline
AngeloP
Fica Sabendo
Fica sabendo que no dia em que eu morrer Suplantará a dor que me provoca a morte, O custo de part...
Enviado por AngeloP
em 31/07/2010 21:30:33
Offline
AngeloP
Gaivotas
O som de uma gaivota quebra o silêncio De quem reflecte, porque precisa. Pelo fim da tarde, corre...
Enviado por AngeloP
em 31/07/2010 21:12:58
Offline
AngeloP
Quantas Vezes?
Quantas vezes foi em vão O coração evocado Em nome de uma ilusão Que te retorne ao passado? Qua...
Enviado por AngeloP
em 29/07/2010 21:15:54
Offline
AngeloP
Força Soldado!
Força soldado! Pega a arma. Vive a vida Mata a calma. Vai em frente. Torna crente Quem não crê. S...
Enviado por AngeloP
em 24/07/2010 18:35:07
Offline
AngeloP
ESRF
Foi aqui, por entre tantos cacos Que conheci quem devia conhecer. Foi aqui que o amor se deu a ve...
Enviado por AngeloP
em 24/07/2010 18:25:45
Offline
AngeloP
Só o Essencial
Devemos evitar desgastar-nos Com o que não é essencial. Tudo o que lhe escapa Causa irreparáveis ...
Enviado por AngeloP
em 19/07/2010 21:03:31
Offline
AngeloP
Circunstâncias
O som era impar e o corpo estremecia, Como se quisesse falar comigo e não pudesse. Entendi um “gr...
Enviado por AngeloP
em 17/07/2010 14:52:57
Offline
AngeloP
Hoje morria sem medo!
Acredito ter já gastado toda a minha sorte. Fi-lo em tempos e não soube colher os frutos. Quem me...
Enviado por AngeloP
em 16/07/2010 03:07:55
Offline
AngeloP
O Relógio
Tanta espera, tanta esperança, e agora? Mais espera após a espera de quem cansa. E se creio que e...
Enviado por AngeloP
em 21/06/2010 00:03:04
Offline
AngeloP
As Doze Badaladas
À noite, as doze badaladas De um sino nunca preguiçoso São o lembrete precioso De que nos esperam...
Enviado por AngeloP
em 19/06/2010 21:25:38
Offline
AngeloP
Demónios
Há demónios que não deixam Simples marcas numa alma. Ficam, sorriem e na calma Da noite, com ferv...
Enviado por AngeloP
em 31/12/2009 14:54:15
Offline
AngeloP
"Agitação"
Segura, esta viagem que completo Por entre a pequenez de Portugal. Debaixo de um calor quase infe...
Enviado por AngeloP
em 30/12/2009 15:30:46
Offline
AngeloP
Tributo às mulheres
Dotadas de elegante sapiência, Formosas em vertentes variadas, São as mulheres, as tão por nós am...
Enviado por AngeloP
em 29/12/2009 22:02:05
(1) 2 »