https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

LAÇOS

 
Envolvem-nos laços
Que se estreitaram nos tempos
Feitos de cumplicidades
De amor, abraços, contratempos…
Mas há por vezes momentos
Em que o laço forma um nó
Não consigo desembaraçá-lo
Quanto mais puxo mais me aperta,
Não me liberta
E nessa luta deixas-me só...
Eu espero.
Porque tudo o que mais quero
É que me apertes sem sufocar
Que me afrouxes sem me soltar…
Falo-te do que é amar:
É querer-te tanto
Ou mais do que a mim
Será que alcanças o quanto?
Será que o tempo não te ensinou
Que como eu ninguém te amou
Nem te ama assim?
Porque não me aceitas como sou?

 
Autor
DulceGomes
 
Texto
Data
Leituras
686
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
1 pontos
1
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
ÔNIX
Publicado: 21/04/2010 14:25  Atualizado: 21/04/2010 14:25
Membro de honra
Usuário desde: 08/09/2009
Localidade: Lisboa
Mensagens: 2683
 Re: LAÇOS
OLá Dulce.

Gostei destes "Laços", feitos de um conjunto ambíguo de cumplicidades, embora a parte mais vincada seja a do amor, que será sempre para mim, a que prevalecerá


Gostei de ler


beijos


Matilde D'Ônix