https://www.poetris.com/
 
Poemas -> Humor : 

A CUSTÓDIA - História dum sacristão malandreco

 
Tags:  poemas    humor  
 
CUSTÓDIA: Objecto litúrgico que tem um recipiente onde se põe o Senhor (hóstia)

O caso que vou contar
passou-se junto ao altar
podem crer, não é paródia.
O padre pró sacristão:
-Diz-me lá oh meu irmão,
onde é que está a Custódia?

O sacristão malandreco,
vira-se para o padreco,
com o seu ar de reguila:
-A igreja está escura,
mas quem o senhor procura
está na primeira fila.

O padre titubeante
grita pró seu ajudante:
-Oiça lá oh seu estupor,
’inda lhe aperto a goela,
a custódia é aquela
onde se põe o Senhor!

O sacristão, um safado,
não se dando por achado,
tão pouco se indispõe
e com sua voz singela:
-Eu julgava que era aquela
onde o senhor se põe!!!

Visite os blogs:
http://anacletomalagueta.blogspot.com/
http://barreiro-e-arredores.blogspot.com/
http://pintura-e-nao-so.blogspot.com/

 
Autor
Morgado
Autor
 
Texto
Data
Leituras
990
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
0 pontos
0
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.