https://www.poetris.com/
 
Poemas : 

AINDA AGORA ENJOEI O DIA

 
Ladram os cães no quintal
Por entre a algazarra do vento
Nas traseiras esquecidas da manhã
Ralhando à chuva que cai no cimento
Ainda agora rompeu o dia

Ladra o vento que cai nas traseiras
Por entre a algazarra da chuva
No cimento esquecido do quintal
Ralhando aos cães da manhã
Ainda agora latiu o dia

Na algazarra que cai no quintal
Os cães esquecidos do vento
Ralham às traseiras da manhã
Ladrando por entre a chuva no cimento
Ainda agora caiu o dia

Cai a chuva nas traseiras do vento
Esquecida no quintal de cimento
Por entre os cães que ralham
Ladrando à algazarra da manhã
Ainda agora enjoei o dia
 
Autor
Runa
Autor
 
Texto
Data
Leituras
1645
Favoritos
3
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
44 pontos
20
0
3
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 22/06/2010 11:27  Atualizado: 22/06/2010 11:27
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA P/Runa
RUNA, mais um poema de construção perfeita,e em que o jogo das palavras e estrofes lhe confere um estatuto de primazia.

Abraço


Enviado por Tópico
carolcarolina
Publicado: 22/06/2010 12:01  Atualizado: 22/06/2010 12:01
Colaborador
Usuário desde: 24/01/2010
Localidade: RS/Brasil
Mensagens: 9297
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA
Poeta Runa!

Que construção poeta!
Nunca havia lido nada parecido!
No final tudo se encaixa perfeitamente.
Lindo demais parabéns!.
Bjo no seu ♥
♫Carol


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 22/06/2010 12:04  Atualizado: 22/06/2010 12:04
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA
Ola poeta.

Poema divergente do que tens escrito. Gostei do jogo de palavras. Um poema que considero exímio.


Beijo azul


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 22/06/2010 14:19  Atualizado: 22/06/2010 14:19
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA
Podes ter enjoado o dia mas tenho de te dizer isto,
tu es bom no que escreves, gosto muito de te ler, nem sei porque ainda não publicaste um livro, eu acho que ia ser bonito, tinhas de aprofeiçoar é certo mas com o tempo logo tudo se resolveria, Adorei a forma como tu constrois e acabas um poema
Bravo Runa my brother
AbrAÇOS

e continua a brilhar quer na poesia e na vida pessoal, Tu para mim runa es a melhor coisa que este site teve, digo isto porque tu consegues variar a tua poesia embora muitas vezes te foques no gotico mas mesmo assim

Uau
Digo isto sem querer dar graxa Abraços

Enviado por Tópico
Avozita
Publicado: 22/06/2010 14:29  Atualizado: 22/06/2010 14:29
Colaborador
Usuário desde: 08/07/2009
Localidade: Casal de Cambra - Lisboa
Mensagens: 4531
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA
Neste jogo de palavras, intercaladas
com mestria, conseguiste um bom poema.
Parabens amigo.
Beijinhos
Antonieta

Enviado por Tópico
ângelaLugo
Publicado: 22/06/2010 16:13  Atualizado: 22/06/2010 16:13
Colaborador
Usuário desde: 04/09/2006
Localidade: São Paulo - Brasil
Mensagens: 14962
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA p/ Runa
Olá caro poeta Rui

Gosto muito deste estilo de escrita
onde se repete o verso, onde se encontra
o significado do que o poeta quer transmitir
ao leitor...Adorei...Parabéns!

Beijinhos no coração

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 22/06/2010 16:24  Atualizado: 22/06/2010 16:24
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA
Um dia que amanheceu conturbado. Os cães ralhando e fazendo algazarra, só pode é enjoar o dia.
Se é que entendi a mensagem.

Gostei da nova linha. É bom variar.

Abraço poeta.

Rosangela

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 22/06/2010 16:25  Atualizado: 22/06/2010 16:25
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA
Uma bela construção, que segue a musicalidade do dia seguido dessa nostalgia, visualizei a cena, parabéns, bjus grande.

Enviado por Tópico
eduardas
Publicado: 22/06/2010 18:01  Atualizado: 22/06/2010 18:01
Colaborador
Usuário desde: 19/10/2008
Localidade: Lisboa
Mensagens: 3731
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA p/Runa
Um poema tão bem enquadrado, tão bem delineado que me quedei.

Levo-o!

bj
Eduarda

Enviado por Tópico
luzialuz
Publicado: 22/06/2010 18:11  Atualizado: 22/06/2010 18:11
Participativo
Usuário desde: 21/06/2010
Localidade:
Mensagens: 18
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA
Muito interessante o jogo das palavras mudando o sentido dos versos sem perder a musicalidade.
És genial.
Levo comigo, meu primeiro.
Beijos. Vou tentar estar atenta a teus textos.

Enviado por Tópico
Vania Lopez
Publicado: 23/06/2010 01:53  Atualizado: 23/06/2010 01:53
Colaborador
Usuário desde: 25/01/2009
Localidade: Pouso Alegre - MG
Mensagens: 17658
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA
Imagens em que a gente se sente dentro e lá no fundo um cão que ladra. Perfeito! Obrigada. bjs

Enviado por Tópico
Beija-Flor76
Publicado: 23/06/2010 23:50  Atualizado: 23/06/2010 23:50
Colaborador
Usuário desde: 23/02/2010
Localidade: PORTUGAL
Mensagens: 2058
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA
Adorei, também tenho algumas experiencias feitas neste campo, por isso te comentarei com um poema meu.
Abraço amigo Rui.

RECOMEÇO LOUCO OU LIBERAL

Vou andando por aí, como se fosse louco
Despertando nas saudades, mais um sentido
E bebendo o ar do espaço, sempre rouco
Liberto em minhas mãos, mais um rugido.
Não percorrerei um caminho, incerto
Caindo nos descalços medos, foragido
Onde entrego sem reservas, o peito aberto
Entrando nos olhos sedentos, do desconhecido.
Velarei a réstia deste tempo, descomunal
Sentindo nas asas, pesado, o fardo do regresso
A este mundo que morre, mais liberal
Nascerá talvez, um recomeço

Vou andando por ai, como se fosse um sentido
Despertando nas saudades, mais um louco
Bebendo o ar do espaço, sempre rugido
Liberto em minhas mãos, mais rouco.
Não percorrerei um caminho, foragido
Caindo nos descalços, do incerto
Onde entrego sem reservas, o desconhecido
Entrando nos olhos sedentos, do peito aberto
Velarei a réstia, deste tempo do regresso
Sentido nas asas, pesado, o fardo descomunal.
A este mundo que morre, e um recomeço
Nascerá talvez, mais liberal.

Vou andando por ai, como se fosse liberal
Despertando na saudade, mais um recomeço
E bebendo o ar do espaço, descomunal
Liberto em minhas mãos, mais um regresso.
Não percorrerei, um caminho aberto
Caindo nos descalços medos, desconhecido
Onde entrego sem reservas, o peito incerto
Entrando nos olhos sedentos, foragido
Velarei a réstia deste tempo, rugido
Sentindo nas asas, pesado, o fardo rouco
A este mundo que morre, e um sentido
Nascerá talvez, mais louco.

Regensburg
15-05-2010
Beija-flor

Enviado por Tópico
elendemoraes
Publicado: 24/06/2010 04:04  Atualizado: 24/06/2010 04:04
Colaborador
Usuário desde: 05/05/2010
Localidade: Rio de Janeiro - Brasil
Mensagens: 504
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA
Gosto de poesia assim, quando vejo as palavras dançando alegremente diante dos meus olhos. Aperto uma aqui, cerco outra alí e elas se divertem com a minha vontade de retê-las.
Fiquei aqui um bom tempo conversando com teus versos.
Para mim, perfeito! Parabéns!
Beijo.

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 24/06/2010 23:26  Atualizado: 24/06/2010 23:26
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA
Fantástico Poeta perfeito o jogo de Palavras!!!!!!!
Parabéns tu escreves divinamente bem!
Beijos meus!

Enviado por Tópico
JOSÉMANUELBRAZÃO
Publicado: 24/06/2010 23:27  Atualizado: 24/06/2010 23:27
Colaborador
Usuário desde: 02/11/2009
Localidade: Lisboa, PORTUGAL
Mensagens: 7775
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA
Os cães podem ladrar mas o teu poema não morde! Pelo contrário li e senti belas imagens! És um talento!

Abraço do ZÉ

Enviado por Tópico
Nanda
Publicado: 26/06/2010 13:45  Atualizado: 26/06/2010 13:45
Colaborador
Usuário desde: 14/08/2007
Localidade: Setúbal
Mensagens: 11186
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA
Runa,
Aplausos, meu amigo.
No meu quintal estou ouvindo passarinhos a chilrear. O pior é a vuvuzela do garoto do vizinho...
Beijo
Nanda

Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 04/06/2012 21:24  Atualizado: 04/06/2012 21:24
 Re: AINDA AGORA ENJOEI O DIA
Ao tecer as palavra no "Ainda agora enjoei o dia" uma vida foi tecida entre manhãs, cães, chuvas, quintais e cimento...