https://www.poetris.com/
 
Crónicas : 

A mesa está posta

 
Não entendo porque se casou, se alimentava tanto ódio pelo marido. Ódio feito de vingançazinhas bobas, picuinhas e mesquinharias que no decorrer dos anos só aumentavam mais e mais a distância entre eles. Num desses dias em que levantou com o pé esquerdo, com cara de quem chupou limão, ela prometeu:
- Hoje ele não almoça aqui!

E propositadamente, despejou sal nos pratos que preparava, de maneira que nem vaca conseguia comer. Como a vingança era o seu prato cheio, a partir do momento em que provou o alimento e viu que era impossível pra qualquer mortal comer, sentiu-se aliviada. Feliz até.

Como Deus é bom e é onipresente também, viu e ouviu a profecia:
- Hoje ele não almoça aqui!

Bem, vamos pular essa etapa, como se diz...
Se ela está esperando o marido pra almoçar, a mesa está posta há uns 5 anos.

 
Autor
lindinalva
 
Texto
Data
Leituras
682
Favoritos
0
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
2 pontos
2
0
0
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Betha Mendonça
Publicado: 05/12/2010 20:45  Atualizado: 05/12/2010 20:45
Colaborador
Usuário desde: 01/07/2009
Localidade:
Mensagens: 6741
 Re: A mesa está posta
Sou apreciadora de crônicas.Essa está bem ao meu gosto, tanto pelo tema (comum a vários casais que conheço) como pelo desfecho irônico, peça do destino.
Bjins, Betha.