https://www.poetris.com/
 
Textos -> Outros : 

O vento sibila

 
O vento sibila
Estou a ouvir o vento sibilando num prenúncio de grande tempestade, trovoada, lágrimas em chuva que nos faz doer o coração num arrepio incontrolado, frio. Chego à janela traço os braços aperto-os contra o meu corpo como me saberia bem um abraço acolhedor, quentinho e meigo. Estou só, sinto a tua falta, as gotas ácidas dançando nos meus olhos embaciados, encosto-lhes os dedos como se isso pudesse barrar o caudal que vai correr solto como se quisesse ou pudesse também reter a chuva que cai brava ao encontro dos vidros com um ruído dorido e magoado daquela força impelida pelo vento que está gritando aos meus ouvidos a saudade. Sigo as nuvens cheias, impetuosas rolando pelo céu
cinzento, escuro e esfarrapado onde se vão esgotando e esbranquiçando as nuvens deixando-se atravessar pelos raios de luz. Os trovões afastam-se e ouve-se um troar longínquo que me deixa escapar um suspiro de alívio ainda um pouco enrugado, mas que dá para augurar um rápido amainar deste temporal repentino. A Primavera vai em meia estação o que deve ter deixado muita gente desconsolada, pois já as praias foram visitadas por muitos banhistas, o sol já tinha aparecido com fulgor e os corpos respiravam livremente mas foi só um susto! A natureza é assim subtil, marota, daí a pouco vem a bonança sempre atenta, temperadora no tempo e nos corações. Tudo está a serenar agora, uma brisa fresca vai secando os olhos, vidros e as folhas das árvores brilhantes limpas do pó, tão verdes, cheira a terra molhada, que adoro aspirar e que veio até mim com o abrir da vidraça, que sensação boa! A lua está a desenhar-se no meio das estrelas já brilhantes. O céu limpou e o azul parece ainda mais belo, atractivo, sedutor e uma oração sai dos meus lábios trementes e à surdina estou a dizer-te adeus.

 
Autor
Volena
Autor
 
Texto
Data
Leituras
523
Favoritos
4
Licença
Esta obra está protegida pela licença Creative Commons
64 pontos
22
5
4
Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.

Enviado por Tópico
Migueljaco
Publicado: 07/07/2016 15:09  Atualizado: 07/07/2016 15:09
Colaborador
Usuário desde: 23/06/2011
Localidade: Taubaté SP
Mensagens: 9241
 Re: O vento sibila
Bom dia Volena, os eventos da natureza são vastos, e nem sempre nos agradam, mas somos submissos aos caprichos de criador, e via de regra muitos deles nos encham de beleza e contentamentos, parabéns pelo vosso relato de um sentir holístico de uma personagem atenta aos caprichos do universo.um abraço, MJ.


Enviado por Tópico
Nininha
Publicado: 07/07/2016 18:19  Atualizado: 07/07/2016 18:19
Colaborador
Usuário desde: 14/04/2016
Localidade:
Mensagens: 1717
 Re: O vento sibila P/ Volena
Olá Volena;
Uau...fiquei encantada com esta prosa poética!
Um momento de instrospeção maravilhoso. E a chuva de hoje criou o ambiente propício. Gostei muitíssimo!
Obrigada pela partilha tão doce
Beijocas repenicadas rsrs


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 08/07/2016 00:41  Atualizado: 08/07/2016 00:41
 Re: O vento sibila
*Sentido aqui no centro do peito.
Rico e tocante.
Beijoka* de admiraçao


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 08/07/2016 09:18  Atualizado: 08/07/2016 09:18
 Re: O vento sibila
Ser possuidor de todos os enigmas do ser humano
E com os símbolos de magia




Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 08/07/2016 13:12  Atualizado: 08/07/2016 13:12
 Re: O vento sibila
...o adeus mais sincero e sublime que já percebi. Linda texto querida, onde está o teu coração agora? Parabéns.


Enviado por Tópico
Semente
Publicado: 09/07/2016 18:35  Atualizado: 09/07/2016 18:35
Colaborador
Usuário desde: 29/08/2009
Localidade: Ribeirão Preto SP Brasil
Mensagens: 8696
 Re: O vento sibila
Mais um daqueles textos que me emocionam e lacrimejam o meu olhar!!

Vólena querida, aqui as ideias fluem como o ar ao penetrar pelas narinas e preencher os pulmões.
Essa mistura de lágrimas e chuvas, tempestade e saudade, a natureza vivificando tudo, que encontrei em teu relato maravilhoso, vai desenrolando os sentimentos com a visão iluminada de quem sabe expressar o que vai na alma.

Como não se emocionar com uma narrativa por si só, tão emocionada, amiga?

Fica aqui um longo e afetuoso abraço, e muitos beijinhos da amiga e fã !!


Enviado por Tópico
kripy
Publicado: 10/07/2016 13:36  Atualizado: 10/07/2016 13:36
Colaborador
Usuário desde: 26/05/2010
Localidade:
Mensagens: 2991
 Re: O vento sibila
E não é que a seu neto ia escapar este lindo texto? Com chuva física ou lacrimal um Inverno na vida ou mais uma estação .Adoruh a muito minha Vò,um beijinho de muito (IMENSO) carinho,kripy.


Enviado por Tópico
visitante
Publicado: 23/07/2016 14:15  Atualizado: 23/07/2016 14:15
 Re: O vento sibila
Que bela prosa poética com toque de nostalgia, lindo mesmo!


Enviado por Tópico
Camille Simeone
Publicado: 28/07/2016 22:59  Atualizado: 28/07/2016 22:59
Participativo
Usuário desde: 10/11/2012
Localidade: Rio de Janeiro
Mensagens: 20
 Re: O vento sibila
Um lindo texto poético que só transmite amor...muito tocante. Um abraço e excelente noite!


Enviado por Tópico
martisns
Publicado: 20/08/2016 15:20  Atualizado: 20/08/2016 15:20
Colaborador
Usuário desde: 13/07/2010
Localidade:
Mensagens: 29155
 Re: O vento sibila
Vento que traz junto a si aquelas reações, em forma de ações